Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Flávio de Oliveira Silva

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • gerenciamento inteligente de fatias de rede autônomas entre múltiplos domínios
  • Compartilhar recursos de rede é fundamental para oferecer conectividade personalizada para as aplicações do futuro. Uma técnica que recebeu significativos esforços no contexto do 5G é o fatiamento de rede. Encontra-se no estado da arte técnicas de fatiamento em domínios privados, como em data centers ou segmentos especializados da rede. Mas, persistem desafios como a separação dos planos dados e controle nestas fatias, sobretudo o comportamento perpassando em múltiplos domínios. Uma fatia de rede deve sustentar a conectividade e os parâmetros do acordo do nível de serviço mesmo sob condições adversas. Incluem como desafios a especificação e monitoramento de parâmetros que subsidiem mecanismos baseados em Inteligência Artificial(IA) a atuarem em tempo sobre as fatias de rede, a fim de que se comportem de forma autônoma. Emerge também como desafio a necessidade de investigação de tecnologias e métodos para sua gestão sobre múltiplos domínios. O presente projeto objetiva pesquisar, projetar e experimentar uma arquitetura para a gestão inteligente de fatias redes autônomas implantadas em múltiplos domínios utilizando técnicas de IA e computação autônoma. Esta arquitetura utilizará técnicas de monitoramento capazes de aferir métricas em diferentes domínios e convergi-las de forma que as fatias de rede entre operadoras e seus segmentos internos sejam mantidas autonomamente e sejam configuradas, otimizadas e curadas sem intervenção humana. Para isto vislumbra-se a integração de métodos aceitos pela comunidade como o framework NASOR e a arquitetura SONAr como base para o gerenciamento de fatias de rede autônomas entre múltiplos domínios. Utilizando três frentes de investigação com foco em IA, monitoramento e gestão de fatias de rede e uma abordagem experimental, o projeto vai partir de componentes de software já existentes, e incorporar novos métodos e técnicas desenvolvidos nestas frentes de investigação, contribuindo para avanços nesta área estratégica do conhecimento
  • Universidade Federal de Uberlândia - MG - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Flávio Dias Mayer

Engenharias

Engenharia Química
  • uso sequencial de explosão a vapor, hidrólise subcrítica e liquefação para obtenção de açúcares fermentesciveis e carvão a partir de resíduos lignocelulósicos agroindustriais
  • A transição energética de uma matriz fóssil para outra renovável dependerá da diversificação das fontes de energia. Nesta transição, a produção de biocombustíveis como o etanol a partir de biomassa lignocelulósica é imprescindível, devendo-se buscar rotas tecnológicas adequadas e que superem as conhecidas dificuldades em seu processamento, seja através do aumento de rendimento no processo ou pela geração de coprodutos de interesse comercial. Dessa forma, o objetivo deste projeto é desenvolver e avaliar uma rota tecnológica para o pré-tratamento, hidrólise e liquefação dos resíduos agroindustriais como casca de soja, sabugo de milho e bagaço de sorgo sacarino visando a obtenção de açúcares e carvão, utilizando-se sequencialmente a explosão a vapor, hidrólise com água subcrítica e liquefação em uma mesma unidade experimental. As biomassas serão caracterizadas com relação a análise centesimal e composição lignocelulósica. Após, será realizado o pré-tratamento com explosão a vapor com ácido diluído para solubilização das hemiceluloses (obtenção de açúcares) e abertura da estrutura da celulose das biomassas. As biomassas submetidas ao pré-tratamento serão hidrolisadas com água subcrítica visando à obtenção de açúcares proveniente da celulose. A parte sólida não hidrolisada será convertida em carvão através de um processo de liquefação hidrotérmica. Todas estas três etapas serão realizadas na mesma unidade experimental que será construída. Os resultados serão avaliados considerando a remoção de hemicelulose, rendimento em açúcares, e produtividade de ácidos orgânicos, inibidores e carvão. Será realizado um balanço energético de todo o processo, além da caracterização energética do carvão obtido, e os dados cinéticos da etapa de hidrólise serão modelados matematicamente. Espera-se obter dados experimentais que subsidiem avanços na tecnologia proposta para além de um technology readiness level 4, o que permitirá agregação de valor às biomassas residuais.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Flavio Fernando Demarco

Ciências Biológicas

Farmacologia
  • fortalecimento da pós-graduação na ufpel em áreas estratégicas
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 09/01/2020-09/01/2025
Foto de perfil

Flavio Jose Craveiro Cunto

Engenharias

Engenharia de Transportes
  • circulação de motocicletas no ambiente urbano brasileiro sob o paradigma dos sistemas seguros
  • O desenvolvimento de cidades sustentáveis depende do planejamento de sistemas de transportes inclusivos e seguros. No Brasil, segundo o IPEA, o custo com os sinistros viários ultrapassa R$ 50 bilhões/ano. As vítimas fatais em sinistros com motocicletas, no Brasil, aumentaram cerca de 140% entre 2000 e 2015. O aumento decorre da inserção desse modo na frota veicular (versatilidade e custo), mas principalmente por sua vulnerabilidade e pelo comportamento de condução de seus usuários. Os esforços de melhoria do desempenho da segurança viária (DSV) carecem de pesquisas para: caracterizar o comportamento de condução dos motociclistas incluindo suas escolhas de velocidade e outros comportamentos não-conformes; desenvolver modelos microscópicos de tráfego para representar sua movimentação em ambientes virtuais; diagnosticar a relação entre seu comportamento e a frequência e a severidade dos sinistros viários e conflitos de tráfego, seja através de técnicas de modelagem estatística ou microscópica e; desenvolver análises de DSV incluindo ferramentas de inferência causal, proporcionado uma metodologia de análise adequada ao paradigma dos sistemas seguros e visão zero. Etapas: coleta de dados microscópicos da movimentação dos motociclistas com a visão computacional; revisão e desenvolvimento de algoritmos de microssimulação para motociclistas; Aplicação de modelos categóricos avançados, full Bayesianos, espaciais e de simulação microscópica para a frequência e severidade dos sinistros com motociclistas; Aplicação de modelos de equações estruturais incluindo variáveis comportamentais para representar os sinistros viários com motociclistas. O conhecimento detalhado do padrão de movimentação dos motociclistas aliado a técnicas de modelagem estatística e computacional permitirá o estabelecimento de relações de dependência e causalidade entre os fatores contribuintes dos sinistros e conflitos de tráfego, aperfeiçoando políticas de segurança viária nas cidades brasileiras.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Flávio Junior Caires

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • estudo e desenvolvimento de materiais para o melhoramento das propriedades físico-químicas e farmacológicas de fármacos e moléculas bioativas.
  • Nos últimos anos, avanços importantes foram relatados no desenvolvimento de rotas alternativas para a administração de medicamentos, contudo a via de administração oral continua sendo a mais empregada. Isso se deve à sua fácil administração, boa adesão do paciente à terapia, custo-benefício e flexibilidade no desenvolvimento da forma de dosagem. Após administração oral, o fármaco sólido deve ser dissolvido no trato gastrointestinal, permanecer em solução e, em seguida, permear através da parede intestinal em quantidades suficientes para atingir a circulação sistêmica. Para atingir concentrações terapêuticas em seu local de ação, a molécula do fármaco deve exibir propriedades biofarmacêuticas apropriadas. A biodisponibilidade oral dos medicamentos depende de fatores como solubilidade aquosa, permeabilidade, taxa de dissolução, metabolismo de primeira passagem, metabolismo pré-sistêmico e suscetibilidade a mecanismos de efluxo. Em particular, a solubilidade e a permeabilidade gastrointestinal são dois fatores principais que controlam a biodisponibilidade. A baixa solubilidade e a baixa permeabilidade representam obstáculos significativos à absorção eficiente da droga através do trato gastrointestinal e, portanto, podem ser observados efeitos terapêuticos potencialmente abaixo do ideal. O principal problema da indústria farmacêutica no desenvolvimento de novas entidades químicas, é que mais de 40% desses compostos são praticamente insolúveis em água, apresentando absorção lenta, biodisponibilidade inadequada ou variável e toxicidade à mucosa gastrointestinal. Nesse contexto, esse projeto propõem o desenvolvimento de materiais inovadores empregando princípios de engenharia de cristais e nanotecnologia para melhorar a biodisponibilidade de diversas classes de fármacos e moléculas bioativas, como a obtenção de novos sistemas multicomponentes (cocristais e sistemas eutéticos profundos terapêuticos (THEDES), estruturas metalorgânicas (MOFs) e materiais nanoestruturados.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 05/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Flávio Luís Beltrame

Ciências da Saúde

Farmácia
  • óleo de cróton e desoxicolato de sódio incorporados a sistemas nanoestruturados: novas propostas de formulação para aplicação na área dermatológica e estética
  • Atualmente tem crescido o interesse por tratamentos estéticos. Eles são realizados em consultórios médico-dermatológicos e clínicas de estética e são usados ativos que podem promover reações inflamatórias e outros efeitos indesejáveis em diferentes camadas da pele. Exemplos são o óleo de cróton, usado no peeling (estimula a produção de colágeno dérmico) e o desoxicolato de sódio usado na mesoterapia (para lipólise hipodérmica). Muitas das reações observadas se relacionam a forma de administração e formulação do ativo. Na área farmacêutica, a nanotecnologia é aplicada no desenvolvimento de sistemas de liberação controlada buscando aumentar a estabilidade, solubilidade, absorção, difusão, controlar a liberação e a biodisponibilidade dos ativos, além de reduzir a toxicidade. Sistemas nanoestruturados líquido-cristalinos e microemulsionados são estruturas estáveis, que podem ter a viscosidade e textura ajustadas pela adequação dos componentes da formulação e assim modular a viscoelasticidade, rigidez e adesão. Esses sistemas têm potencial na utilização em procedimentos de aplicação tópica, pois incrementam o contato e a permeação dos ativos pelas camadas da pele. A incorporação do óleo de cróton e do desoxicolato de sódio, em sistemas nanoestruturados de liberação tópica pode se constituir numa ferramenta atrativa para substituir as técnicas de dermoabrasão e injeção local, promovendo aplicação não invasiva e indolor, diminuindo o surgimento de reações e otimizando as vias de aplicação. Assim, a proposta de desenvolvimento desses sistemas para carreamento de ativos atualmente utilizados em procedimentos estéticos de peeling e mesoterapia se faz relevante. A metodologia empregada contará com a produção das formulações pela construção do diagrama ternário de fases, classificação visual e microscópica dos sistemas obtidos, caracterização, avaliação do comportamento reológico e mecânico e da citotoxicidade, estudo de liberação e permeação in vitro e de eficácia in vivo.
  • Universidade Estadual de Ponta Grossa - PR - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Flávio Luiz Schiavoni

Lingüística, Letras e Artes

Artes
  • a liga das orquídeas: a criação de arte distribuída pela rede nacional de pesquisa
  • As Orquideas são plantas que, assim como a arte e a música, existem em todos os continentes habitados por nós. Aqui, as orquídeas são orquestras de ideias, grupos de criação de arte cujas raízes se ligam e se conectam por meio da Internet para a sua integração no nosso ecossistema coletivo. Como as orquídeas, que são diferentes em cada região do planeta, neste projeto iremos valorizar as particularidades do espaço de cada participante ao mesmo tempo que pretendemos auxiliar na fertilização e polinização das ideias entre estes espaços por meio da colaboração. Para isso, o projeto irá fomentar o repasse tecnológico, cultural e artístico de forma rizomática entre os grupos participantes e a comunidade externa, transitando pela rede ideias, projetos, ferramental teórico, discussões, e criações artísticas e de software em torno dos temas propostos. Nossa intenção é transformar nossas diferenças em possibilidades de ações interdisciplinares envolvendo arte e tecnologia sem que uma área predomine sobre a outra. Estamos sobre um terreno fértil, a RNP, que possui muito potencial mas que precisa ser alimentada com ideias. Assim, abordaremos de forma prática a questão dos processos criativos colaborativos mediados pela tecnologia para nos debruçar sobre a questão: Como transformar a rede em um espaço de criação artística que respeite e colabore com a individualidade de cada participante? Para alcançar tal objetivo, cada pesquisador apresentará um projeto de criação local e contará com a colaboração de colegas de outras localidades para sua execução. Esta colaboração será estimulada por meio de oficinas práticas/teóricas que irão alimentar esta rede de ideias e mediar o tráfego de informação entre os grupos. Tudo isso será registrado em diários de bordo que servirá para acompanhar o andamento dos projetos, o levantamento e o desenvolvimento de sistemas para estas colaborações e permitir, ao final, que os modelos aqui desenvolvidos possam ser replicados em outras instituições.
  • Universidade Federal de São João Del-Rei - MG - Brasil
  • 06/04/2022-30/04/2025
Foto de perfil

Flávio Roberto Mello Garcia

Ciências Agrárias

Agronomia
  • bases para o manejo de drosophila suzukii no brasil: interações tritróficas entre a espécie invasora seus hospedeiros e parasitoides
  • Drosophila suzukii possui importância econômica devido aos seus danos diretos e indiretos no cultivo de frutos de epicarpo delgado. Seu controle é realizado pricipalmente através de controle químico. Dessa forma, torna-se importante estudos que subsidiem o controle biológico da praga. O objetivo desse projeto é conhecer aspectos das interações tritróficas envolvendo D. suzukii em diversos Estados do Brasil, visando subsidiar futuros programas de manejo e prospectar parasitoides candidatos ao controle biológico. Serão investigadas as plantas hospedeiras da praga e seus índices de infestação, de modo a verificar aonde as populações de D. suzukii se mantém na entressafra e, portanto, fornecer subsídios a redução populacional da praga. O trabalho será desenvolvido nas instalações dos laboratórios de instituições participantes, durante três anos. As coletas de frutos serão realizadas em áreas rurais, urbanas e comerciais. Serão coletados 30 frutos diretamente da planta e 30 frutos do solo, os quais serão individualmente pesados e acomodados em recipientes com vermiculita até a emergência dos insetos; esses últimos serão acondicionados em microtúbulos (2mL) com álcool 70% e identificados. A associação das espécies de parasitoides a D. suzukii será investigada através de infestação artificial de frutos e exposição de imaturos em áreas rurais, urbanas e comerciais.. Serão verificados a infestação, a razão sexual dos insetos, índice de parasitismo, diversidade de parasitoides, influência de fatores ambientais na flutuação populacional desses insetos e suas relações com hospedeiros e parasitoides.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Flavio Valentim de Oliveira

Ciências Humanas

Filosofia
  • natureza e cultura. ciência, tecnologia e saberes ancestrais através dos 200 anos de modos de vida amazônicos.
  • O antropólogo Eduardo Viveiros de Castro destacou que alguns paradigmas da ciência tradicional costumam criar rótulos que, por sua vez, dificultam um pensamento plural: dentre os mais problemáticos estaria a oposição “natureza e cultura” e, por conseguinte, “corpo e espírito, animalidade e humanidade, e tantos outros.” Utilizamos o argumento de Viveiros de Castro para mostrar que o conceito central do presente projeto reside na popularização da ciência através de atividades que não tratam as categorias de humanidade e natureza como experiências opostas e que, sobretudo, valoriza a importância dos saberes ancestrais no bicentenário da ciência brasileira, cujos modos de vida já alertavam colonizadores, governos e instituições sobre a realidade das catástrofes ambientais.
  • Governo do Estado do Pará - PA - Brasil
  • 12/09/2022-31/03/2023
Foto de perfil

Flavio Valentim de Oliveira

Outra

Divulgação Científica
  • sabor é saber. uma proposta de feira da ciência e mostra científica através da fruticultura do açaí no município de barcarena - pará.
  • O presente projeto intitulado Sabor é saber faz um trocadilho com a famosa frase “saber é poder” do filósofo Francis Bacon (1561-1626). Ele tem como conceito base a utilização e o aproveitamento do valor gastronômico do açaí como ponto de partida para despertar a curiosidade com o múltiplo cardápio científico que pode ser oferecido pela fruticultura amazônica em vários campos do saber. Mas, ao contrário do que defendia Bacon em seu Novum Organum, de que a natureza deve ser “vencida e submetida pela ação” (BACON: 2005, p. 217), o projeto busca relações mais interativas entre ciência, natureza e seus habitantes originários (muitos deles estudantes ribeirinhos). Metodologicamente, propomos despertar a curiosidade e o compromisso juvenil para com as ciências a partir de questões sociais bem concretas em suas vidas. Segundo dados da Organização para Alimentação e Agricultura (FAO), aproximadamente “930 milhões de toneladas de alimentos são deitado fora” em escala global, aumentando assim, as “emissões excessivas de dióxido de carbono”, a “intensificação da crise climática” e a “pressão sobre a segurança alimentar” (Redação Agropress, 2021). Nesse mesmo contexto, o fruto do açaí (Euterpe oleracea Mart.), vem ganhando cada vez mais destaque na cultura alimentícia contemporânea por causa de sua “capacidade antioxidante”, seus efeitos “anti-inflamatórios” e “cardioprotetor”, além do seu alto valor “farmacológico” e “terapêutico” (CEDRIM et al, 2018, p.2). A realidade amazônica é ainda um grande hiato científico nos livros didáticos das escolas públicas, notadamente para alunos e alunas da região Norte. Em compensação, as comunidades ribeirinhas amazônicas vêm ganhando cada vez mais destaque nas agências de notícias nacionais e internacionais sem que isso se transforme em objeto de reflexão nos espaços escolares.
  • Governo do Estado do Pará - PA - Brasil
  • 10/12/2021-31/12/2023
Foto de perfil

Florence Cavalcanti Heber Pedreira de Freitas

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • regulação e institucionalização da economia circular na união europeia e brasil
  • Este projeto de pesquisa objetiva analisar a regulação e institucionalização da Economia Circular a partir do seu elemento estruturante: as medidas que priorizam a redução, reutilização e reciclagem de resíduos (os 3 R’s da sustentabilidade). Pretende-se analisar a experiência regulatória expressa pela Diretiva da União Europeia (UE) 2018/851 e o seu processo de institucionalização para estabelecer correlações com a experiência regulatória brasileira nessa área proposta na Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS/Lei nº 12.305/2010). Com base na investigação da experiência na União Europeia, a proposta é analisar o arcabouço regulatório e processos de institucionalização da economia circular nas medidas voltadas para a prevenção, reutilização e reciclagem de resíduos em ambos os casos, tendo como referência de análise as teorias da regulação, convenções e governança. Para responder a questão de como está estruturado o modelo de economia circular (redução, reutilização e reciclagem de resíduos) baseado na Diretiva da União Europeia (UE) 2018/851 e na PNRS/Brasil nos seus aspectos institucionais e regulatórios; e a hipótese de que o estímulo a cenários desejáveis vai depender da qualidade das diretrizes políticas e sua capacidade de antever cenários onde a complexidade das demandas existentes sejam permanentemente ajustadas, foram estabelecidas 3 categorias de análise, a saber: 1) arranjos institucionais, sistemas de mediação e governança; 2) regulação e sistemas de incentivo dentro das legislações; 3) regulação e sistemas de controle e monitoramento previstos. A pesquisa será baseada em dados primários (entrevistas com especialistas no setor) e em dados secundários (pesquisa documental, pesquisa bibliográfica). Como resultado, é prevista a elaboração de relatório com conclusões sobre mecanismos promotores da Economia Circular, visando identificar possibilidades de ajuste e atualização das políticas públicas voltadas a implantação da economia circular no Brasil.
  • Universidade Federal de Sergipe - SE - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Florence Marie Dravet

Ciências Sociais Aplicadas

Comunicação
  • as formas do mito nas narrativas digitais seriadas: contribuição ao letramento digital
  • Como toda forma de cultura, a cultura digital é atravessada pelo mito, em suas produções narrativas, suas manifestações e organização nas redes sociais, nas séries ficcionais e nas diversas formas de arte. Trata-se, em um primeiro momento, de investigar como o mito (enquanto pensamento, mas também enquanto potência arquetípica manifesta em suas diversas mitologias) se apresenta nas narrativas audiovisuais digitais seriadas, de maneira a propor uma contribuição ao Letramento Digital nas escolas de Ensino Médio. Analisaremos narrativas seriadas a fim de identificar como o mito, sob suas mais diversas formas, é potencializado pelas possibilidades criativas fornecidas pelas ferramentas tecnológicas e disposição na cultura digital (plataformas de streaming, tecnologias imersivas, linguagens multimídia e transmídia, estruturas complexas etc). Como a inovação tecnológica dialoga com a tradição mítica? E nesse contexto, quais são os velhos e novos saberes necessários a um letramento digital transdisciplinar e a uma retomada da narrativa como construção de saber? O corpus a ser estudado para esta pesquisa corresponde a um recorte feito no universo das narrativas digitais seriadas. Foram selecionadas três séries de animação (The midnight gospel; Mushishi e Primal) direcionadas ao público juvenil e adulto que nos interessa analisar aqui pelo seu teor reflexivo, de alta densidade mítica e simbólica, que requerem atenção bem como pelo seu caráter transmidiatico. Visa-se, por fim, elaborar propostas para o letramento audiovisual transdisciplinar na perspectiva dos estudos do imaginário, apoiadas por um material didático online em acesso aberto, que possa ser utilizado na educação básica, especialmente no ensino médio, dada a natureza do corpus escolhido.
  • Universidade Católica de Brasília - DF - Brasil
  • 15/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Fosca Pedini Pereira Leite

Ciências Biológicas

Zoologia
  • dinâmica da comunidade de crustáceos associada ao cinturão de sargaço
  • A superordem de crustáceos Peracarida tem como característica a ausência de fase larval e consequente baixa dispersão, levando a altas taxas de endemismo. Dentre os Peracarida mais diversos estão as ordens Amphipoda, Isopoda e Tanaidacea, que também são os principais grupos de crustáceos associados aos bancos de macrófitas. Apesar da baixa taxa dispersiva de tais grupos de crustáceos, recentes mudanças nas correntes superficiais podem ter deslocado massas da alga parda do gênero Sargassum, possivelmente levando com elas espécies exóticas. O presente projeto tem como principais objetivos entender e resgatar a história evolutiva de espécies de Peracarida consideradas de ampla distribuição presentes no cinturão de Sargaço, comparar com populações insulares e costeiras para e entender a biogeografia dos possíveis complexos de espécies dos gêneros mais representativos de Peracarida associados a Sargassum, além de estudar a comunidade de crustáceos associados ao recente cinturão de Sargaço do Oceano Atlântico Equatorial e sua dinâmica de comunidades.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 28/11/2019-30/11/2022
Foto de perfil

Franciane Diniz Cogo

Ciências Agrárias

Agronomia
  • i mostra científica na uemg: fortalecimento de escolas e comunidades rurais por meio da educação em solos
  • A presente proposta prevê a consolidação de um espaço de experimentação em Ciência Agrária e da Terra para a interação com escolas rurais de Ensino Fundamental de Passos. O projeto prevê a organização de uma Mostra Científica nas escolas rurais e na Unidade Acadêmica de Passos da UEMG. Esse envolve a participação de professores da área de Ciência Agrária e da Terra, além do Núcleo de Estudos e Pesquisa Revisão Sistemática e Meta-Análise e Ciência do Solo. Por fim, tem em vista assistir à necessidade de popularização da ciência produzida na comunidade acadêmica.
  • Universidade do Estado de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 10/12/2021-31/12/2023
Foto de perfil

Francielle Baptista

Outra

Divulgação Científica
  • 19ª semana nacional de ciência, tecnologia e inovação 2022 – a comcam comemora o bicentenário da independência e os 200 anos de ciência, tecnologia e inovação no brasil!
  • O tema da 19ª edição da SNCT é o “Bicentenário da Independência: 200 anos de Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil”, o qual estimula a reflexão a importância da ciência e tecnologia para o desenvolvimento da nação. Nesse contexto foi elaborado o projeto para realização da “19ª SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO 2022 – a COMCAM COMEMORA O BICENTENÁRIO DA INDEPENDÊNCIA E OS 200 ANOS DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO NO BRASIL!”, a ser realizado na região da COMCAM, pelo Instituto Integrado de Ciência e Tecnologia (IN2). A proposta consiste na realização de atividades estruturadas no contexto dos 200 anos de ciência, tecnologia e inovação no Brasil, de forma presencial e remota, visando contribuir com o desenvolvimento da criatividade dos estudantes e da comunidade para descobertas sobre a importância da ciência, tecnologia e inovação para a sociedade. Será desenvolvida a Mostra de popularização do conhecimento científico e Exposição do conhecimento Indígena com a aldeia Guarani Verá Tupã i, na praça da igreja matriz e em feiras de produtores locais. Será realizado um mini programa sobre o Bicentenário da Independência e os 200 Anos de Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil, a ser divulgado no cinema e em programa de televisão locais e mídias sociais. Haverá divulgação nos ônibus urbanos, com adesivagem nos vidros traseiros. A parte cultural será realizada com a exposição de fotografia dos estudantes do Ensino Fundamental: 100 anos da Semana de Arte Moderna nos 200 anos da Independência do Brasil. Haverá mini-Hackathon e visita ao planetário da UTFPR para estudantes do Ensino Médio ou Fundamental. Também, haverá palestra on line sobre as Perspectivas para o futuro da ciência no Brasil. Na região da COMCAM, há significativo espaço para o desenvolvimento de políticas de fomento regional, principalmente as focadas na educação e divulgação científica voltada para estudantes da educação básica.
  • Instituto Integrado - PR - Brasil
  • 12/09/2022-31/03/2023
Foto de perfil

Francielle Baptista

Outra

Multidisciplinar
  • 18ª semana nacional de ciência, tecnologia e inovação 2021 – implementando a transvesalidade na educação na comcam
  • O tema da 18ª edição da SNCT é a “A transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta”, o qual alinha-se aos indicadores brasileiros para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) que visam estimular formas de progresso, baseadas no crescimento econômico, proteção ao meio ambiente e igualdade social, que atendam às necessidades do presente sem comprometer a capacidade de as gerações futuras satisfazerem as suas necessidades. Na educação básica brasileira os Temas Contemporâneos Transversais (TCTs) são descritos na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para promover a ligação entre os diferentes componentes curriculares de forma integrada, bem como de fazer sua conexão com situações vivenciadas pelos estudantes em suas realidades, contribuindo para trazer contexto e contemporaneidade aos objetos do conhecimento. Entre os TCTs abarcados pela BNCC está a Ciência e Tecnologia, com objetivo de despertar o interesse e a vocação dos estudantes para áreas importantes para o desenvolvimento do país. Nesse contexto foi elaborado o projeto para realização da 18ª SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO 2021 – IMPLEMENTANDO A TRANSVESALIDADE NA EDUCAÇÃO NA COMCAM, na região da COMCAM, pelo Instituto Integrado de Ciência e Tecnologia (IN2). A proposta consiste na realização de atividades estruturadas no contexto da transversalidade da ciência, tecnologia e inovações de forma presencial, híbrida e remota (de acordo com a necessidade de distanciamento social causada pela COVID-19), visando contribuir com o desenvolvimento da criatividade dos estudantes e da comunidade para descobertas sobre a importância da ciência, tecnologia e inovação para a sociedade. Será desenvolvida a palestra” O que você quer ser quando crescer?” que abordará a transversalidade da ciência e tecnologia no enfretamento e resolução de problemas, expectativas e desafios pessoais e regionais. Serão realizadas as atividades Educação maker e inovação, Mini-Hackaton, Construção e lançamento de foguetes, Mostra: Arte, ciência e cotidiano, Visita ao planetário. Como eventos de comunicação científica serão realizados Podcast em mídias sociais de amplo acesso sobre a transversalidade no enfrentamento da Covid-19 no Brasil, a live Lugar de mulher é onde ela quiser (inclusive na pesquisa científica!) e criação e divulgação de peças para mídias sociais sobre a SNCT Transversalidade. Na região da COMCAM, há significativo espaço para o desenvolvimento de políticas de fomento regional, principalmente as focadas na educação e divulgação científica voltada para estudantes da educação básica. Nesse sentido, torna-se relevante a realização da SNCT na COMCAM, para promover sensibilização para o desenvolvimento científico e tecnológico e contribuir para o desenvolvimento dos ODS na região.
  • Instituto Integrado - PR - Brasil
  • 06/10/2021-31/10/2023
Foto de perfil

Francielle de Oliveira Chagas

Ciências Humanas

Educação
  • mostra de ciências ifam campus tefé: 200 anos de ciência, tecnologia e inovação no brasil - entender o passado e projetar o futuro do coração da amazônia
  • A presente proposta é produzir a “Mostra de Ciências IFAM Campus Tefé: 200 Anos de Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil - Entender o Passado e Projetar o Futuro do Coração da Amazônia” a ser realizada durante o evento da 19ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia do IFAM – Campus Tefé, cujo tema é: Bicentenário da Independência: 200 anos de Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil, que será realizado no período de 17 a 22 de outubro de 2022. A presente proposta enquadra-se na Linha C - Atividades relacionadas ao Mês Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação, item “i” Feira ou Mostra de Ciências – Apresentação de trabalhos científicos de estudantes (em equipes ou individualmente), dos ensinos fundamental e médio, de escolas públicas e/ou privadas de municípios onde ocorrerão outros eventos e/ou atividades da SNCT 2022. A mostra de ciências objeto desta proposta visa dar protagonismo e estimular a socialização do conhecimento científico como ferramenta de transformação social, estimulando a materialização de ações transversais e produção de tecnologias sociais que respeitem os territórios e territorialidades das populações que vivem no município de Tefé e seu entorno. Com a finalidade de consolidar a realização deste evento, o IFAM/Campus Tefé contará com o apoio da Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas - AM - Brasil
  • 12/09/2022-31/03/2023
Foto de perfil

Francinaide de Lima Silva Nascimento

Ciências Humanas

Educação
  • mostra científica – pesquisa e inovação em foco
  • O Rio Grande do Norte é um dos maiores produtores de energia eólica, uma energia limpa e importante para o setor econômico do país e do estado no contexto de crise hídrica. A mesorregião do mato grande concentra parte significativa dos parques eólicos instalados em território potiguar, estando a cidade de João Câmara no plano nacional de energia acessível e limpa. Em termos de biotecnologia, bioeconomia e biomas ela está inserida no contexto do semiárido, tendo por caraterística a vegetação caatinga e por economia de subsistência a agricultura e o beneficiamento da castanha de caju, nos 44 assentamentos, sendo o mais conhecido o Amarelão. Neste contexto, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte-Campus João Câmara corrobora os projetos estratégicos de desenvolvimento regional em termos de desenvolvimento humano, oferecendo cursos técnicos de nível médio e superior, nas áreas de energias renováveis, eletrotécnica, administração, informática e física. É uma instituição fundamental à educação na região, considerando que o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) no município de João Câmara é de 4,37, sendo a meta 4,4. Para o estado do Rio Grande do Norte, este índice é de 4,7, sendo a meta nacional 6,0. Por outro lado, no contexto do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA), sabe-se que o letramento científico é imprescindível e, portanto, a proposta de mostra científica destinada às escolas de ensino básico colabora com a inserção das pessoas nesta sociedade da biotecnologia, em suas dimensões diversas e privilegiando o desenvolvimento científico e tecnológico a partir da mostra científica Pesquisa e Inovação em foco. A equipe do evento é constituída por pesquisadores experientes, professores de ensino básico, estudantes de graduação e bolsistas de iniciação científica e prevê a participação de docentes, agentes educativos e estudantes de ensino básico do município de João Câmara-RN.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 24/02/2022-29/02/2024
Foto de perfil

Francineide Pereira da Silva Pena

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • formação para implementação da rede de atenção à saúde para pessoas com doenças crônicas no estado do amapá
  • As Doenças Crônicas Não Transmissíveis-DCNT há mais de três décadas são causas de preocupação e de desafios ao sistema único de saúde, aos profissionais e aos gestores de saúde, na atenção a essas demandas que cresce de forma avassaladora, sendo evidenciadas como principal causa de morbimortalidade que comumente geram custos sociais imensuráveis. Observa-se que muito já se construiu e avançou na esfera política da atenção à saúde das pessoas com doenças crônicas. Por isso é importante que os profissionais se familiarizem com as propostas do SUS para melhor atender à demanda, em especial, que sejam habilitados para atender não só as características físicas e biológicas da doença, mas, também ampliem o olhar para o contexto cultural, familiar, social e ambiental em que se relacionam e vivem. O objetivo geral desta proposta será instituir processo de formação em modelos de cuidados em doenças crônicas, disponibilizando conteúdos e tendências de modelos para subsidiar a implementação da rede de atenção à saúde de pessoas com doenças crônicas para a tomada de decisão, gestão participativa em saúde, prática profissional interdisciplinar para o seguimento da pessoa com doença crônica na atenção primária à saúde, geração de conhecimento no âmbito do SUS, por meio de instrumentos e conteúdos que serão trabalhados, visando promover conhecimento e aplicabilidade em municípios do estado do Amapá. O desenho metodológico proposto para capacitação/ qualificação dos profissionais e gestores da saúde será o uso da metodologia da aprendizagem ativa, dentre as quais elegeu-se a metodologia ativa do arco de Maguerez e da espiral construtivista, combinando aulas teóricas, dinâmicas de grupo, aplicação prática e avaliação do aprendizado. O local de realização será nos dos municípios: Macapá, Santana, Laranjal do Jari e Oiapoque, a escolha se deu pelo contingente populacional representando os maiores para o estado do Amapá, cuja previsão do tempo de três anos. A população participante será constituída pelos profissionais e gestores de saúde dos referidos municípios, e amostra será do tipo probabilística sistemática, a ser calculada conforme o levantamento em cada município. Para coleta de dados serão utilizados três instrumentos, um questionário para identificação do perfil sociodemográfico de profissionais e gestores, e um formulário com perguntas abertas para o perfil profissional cuja finalidade será mapear as competências, habilidades, atitudes, fragilidades e potencialidades relacionadas a atenção primária a saúde para pessoas com doença crônica, um questionário de avaliação pré e pós formação, para mapear a satisfação e aprendizagem nos cursos de formação. Para análise dos dados será criada uma base de dados no programa Excel 2012, cuja base será recortada e transposta para programa estatístico – Statistical Package for the Social Science (SPSS) versão 22.0 (dados quantitativos) e Software Iramuteq (dados qualitativos). Dentre os resultados esperados lançamento de uma linha temática que se apresenta escassa na prática clínica do atendimento e do cuidado na atenção primária a saúde -APS das pessoas com doença crônica no estado do Amapá; identificação e conhecimento de evidencias das análises situacionais no modelo de atendimento, bem como o saber e o fazer dos profissionais e gestores, para implementar a rede de atenção a saúde para pessoas com doenças crônicas, e suas respectivas linha de cuidados para atender as necessidades de saúde desta demanda nos municípios em questão.
  • Universidade Federal do Amapá - AP - Brasil
  • 02/12/2020-31/12/2023
Foto de perfil

Francini Lube Guizardi

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • a prática docente na fiocruz: os docentes e as perspectivas para sua formação
  • A Fundação Oswaldo Cruz, centenária instituição de ciência e tecnologia em saúde, possui robusta oferta educacional: são mais de 10.000 matrículas anuais, em todos os níveis educacionais, exceto a graduação, com cursos e programas que abrangem amplo espectro das áreas do conhecimento. Tal oferta é realizada por suas unidades técnico-científicas, localizadas no Rio de Janeiro e em outras 10 unidades da federação. A compreensão sobre as características da prática docente na Fiocruz, e de como se dá a formação desses professores é uma demanda colocada para a instituição. A literatura científica sobre a formação docente para a pós-graduação afirma a necessidade de se repensar essa formação, à luz das grandes transformações econômicas, sociais, culturais e políticas que trazem implicações importantes para a atuação docente na educação superior. Neste contexto situa-se a discussão sobre a natureza, o sentido, os desafios e soluções da prática docente em uma instituição como a Fiocruz. A pesquisa tem como objetivo geral: “compreender as características da prática docente e da formação voltada para esta prática na Fiocruz, de modo a apoiar a melhoria da educação na instituição”. Isto será alcançado pela identificação das modalidades e espaços de práticas docentes na Fiocruz; pelo conhecimento dos perfis docentes, assim como das expectativas e percepções dos professores sobre a educação e a prática docente na Fiocruz. Também será estudado o que leva o servidor a iniciar atuação em docência, e a identificação de suas percepções sobre necessidades de formação. Por fim, a pesquisa buscará levantar e sistematizar as experiências de formação docente já existentes na Fiocruz. Esperamos que o maior entendimento das identidades docentes e dos perfis a elas associados, nos permitam situar a diversidade de lugares, necessidades programáticas, experiências e sentidos da prática docente, como base para apoiar a construção do programa institucional para formação docente.
  • Fundação Oswaldo Cruz - DF - Brasil
  • 28/07/2022-30/06/2024