Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Andrea Moreno

Ciências Humanas

Educação
  • fritjof detthow, o ensino da ginástica sueca e a circulação de saberes (brasil, 1919-1947)
  • A investigação que desenvolveremos faz parte de um amplo movimento do grupo de pesquisa, no qual os projetos vinculados têm ajudado a compreender a presença e a circulação de diferentes Métodos Ginásticos no Brasil, entre fins do século XIX e meados do XX. Os projetos, dos quais a presente proposta deriva, resultaram numa exaustiva catalogação de fontes que já nos permitiu perceber que, no Brasil, entre fins do século XIX e início do XX, há fortes vestígios da ginástica racional em variadas prescrições de Educação Physica. O trânsito de sujeitos que mediaram esse processo é uma pista importante e um dos investimentos necessários para compreender a ginástica sueca que circula no país. Os motivos pelos quais viajaram de seus países, suas redes de sociabilidade, suas adaptações, seus enraizamentos, podem dar pistas importantes ao estudo dos métodos ginásticos no Brasil e, particularmente, aqueles que aportaram nas escolas e redes de ensino em variados estados. Vários suecos, homens e mulheres, aparecem nas fontes atuando no Brasil com a ginástica racional e médica. Fritjof Detthow, um sueco que vem para São Paulo em 1919, aparece de forma tangencial nas fontes que foram coletadas na pesquisa intitulada A Ginástica Sueca no Brasil: presença nos manuais escolares e no pensamento pedagógico entre fins do século XIX e início do XX, revelando um objeto de pesquisa potente. Interessa-nos, portanto, aprofundar nos motivos que levaram o sueco aportar no país e constituir aqui seu lugar de trabalho. Também nos motiva a compreensão da relação de Detthow com o governo paulista, rastreando sua trajetória e sua rede de sociabilidade estabelecida nos espaços da Diretoria de Instrução Pública desse Estado, inclusive dando aula na Escola Caetano de Campos. Apesar de sua presença vigorosa no ensino de São Paulo, pesquisando, prescrevendo, dando aulas, a historiografia ainda não se deteve a investigar esse sujeito, motivo pelo qual nos interessa interrogar sua trajetória.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Andrea Moura Bernardes

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • integração dos processos de eletrodiálise e oxidação eletroquímica avançada para a degradação de contaminantes de preocupação emergente
  • Surfactantes utilizados na metalurgia, como nonilfenol, ou em processos de flotação de minérios, como xantatos, são contaminantes de preocupação emergente (CPE). Estações de tratamento de efluentes (ETE) convencionais não foram projetadas para a remoção de CPE, acarretando lançamentos contínuos no ambiente. Estudos demonstram que em algumas ETE os efluentes apresentam maiores concentrações que os influentes, devido à dessorção. Os processos oxidativos avançados (POA) tem emergido como uma possível solução desse problema, mas muitos processos ainda estão em escala de laboratório e utilizam catalisadores de TiO2 dopados com materiais críticos. A oxidação eletroquímica avançada (OEA) tem se destacado pela facilidade e simplicidade de operação e possibilidade de escalonamento, mas o processo tem travado no custo dos eletrodos e problemas de difusão, devido à baixa concentração de CPE no ambiente. A integração entre processos e a escolha adequada de materiais de eletrodos pode ser uma solução. Resultados já obtidos indicam que a integração de processos é uma opção para alcançar segurança hídrica em ETE. Pretende-se agora selecionar materiais de eletrodo e avaliar a integração de POA com eletrodiálise (ED), determinando-se a eficiência de degradação de CPE, ACV, consumo energético, e custos operacionais para o escalonamento dos processos. Bhandari, G. et al. https://doi.org/10.1016/j.chemosphere.2021.130013 Falconi, I. et al. https://doi.org/10.1002/cjce.23705 Ryskie, S. et al. https://doi.org/10.3390/min11030259 Köck-Schulmeyer, M. et al. https://doi.org/10.1016/j.scitotenv.2013.04.010 EU, Brussels 2020 https://eur-lex.europa.eu/legal-content/EN/TXT/?uri=CELEX:52020DC0474 da Silva, S. W.et al. https://doi.org/10.1007/s40726-021-00176-6 Raschitor, A. et al. https://doi.org/10.1016/j.jenvman.2019.109289 Arenhart Heberle, A. N. et al. http://dx.doi.org/10.1016/j.chemosphere.2019.07.049 Schwaickhardt, R. O. et al. https://doi.org/10.1016/j.scitotenv.2017.02.218
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Andrea Pedrosa Harand

Ciências Biológicas

Botânica
  • o papel das mudanças cromossômicas na evolução da família leguminosae: uma abordagem filogenética, citomolecular e genômica
  • Leguminosae é a segunda família de angiospermas em importância econômica e a terceira mais diversa, com cerca de 20.000 espécies. Essa grande diversificação foi acompanhada de mudanças genômicas e cromossômicas, como a variação de sua fração repetitiva (repeats) levando a mudança no tamanho dos genomas, duplicação do genoma total (poliploidia) e mudança no número cromossômico por rearranjos estruturais (disploidia), algumas provavelmente adaptativas. Estudos filogenéticos recentes levaram a profundas mudanças na classificação da família em diferentes níveis, mas muitas das relações filogenéticas ainda não foram elucidadas, nem o impacto das mudanças cromossômicas para a diversificação de seus grupos. Nos últimos anos, a sistemática, a citogenética e mesmo a filogenia molecular vegetal têm sido revolucionadas pelos sequenciamentos genômicos de nova geração (NGS, do inglês next generation sequencing). Sendo assim, o presente projeto pretende investigar o impacto de mudanças cromossômicas e genômicas na diversificação e adaptação de leguminosas, tendo como objetivos específicos: i) Investigar as relações filogenéticas de Cenostigma Tul., as catingueiras, com base em plastomas e na diversificação de seus repeats; ii) Elucidar a organização genômica dos repeats do pau-brasil (Paubrasilia echinata (Lam.) Gagnon, H.C.Lima & G.P.Lewis) e seu impacto para a interação genoma-ambiente; iii) Avaliar como a poliploidia afeta a distribuição geográfica das leguminosas na Caatinga; iv) Investigar como a displodia impacta a organização genômica e seus mecanismos causadores. Para isso, integraremos sequenciamentos NGS (Illumina e PacBio) para montagem de genomas nucleares e plastidiais, caracterização de repeats, análises filogenômicas e correlações com variáveis ambientais, contagens cromossômicas e citometria de fluxo para detecção de eventos de poliploidia e disploidia, e pintura e barcode cromossômicos por oligo-FISH para caracterização de rearranjos cromossômicos.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025