Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Carlos Ernesto Gonçalves Reynaud Schaefer

Ciências Agrárias

Agronomia
  • complexos rupestres de minas gerais, brasil: diagnóstico geoambiental, serviços ecossistêmicos e conectividade da paisagem
  • Os Complexos Rupestres (CR) representam um antigo complexo de vegetação esclerófila, imersos, principalmente em diferentes domínios morfoclimáticos de Minas Gerais (Mata Atlântica, Cerrado e Caatinga). Esses ecossistemas, compostos por diversos pedoambientes e fitofisionomias, estão associados a quartzitos, metarenitos, canga e outros substratos ricos em Fe, bem como rochas ígneas e metamórficas. Os CR são reconhecidos mundialmente como hotspots de biodiversidade e endemismo; entretanto carecem de um estudo ambiental abrangente e integrador sobre a interação entre a geodiversidade e os aspectos florísticos e pedológicos. Estudos aprofundados sobre unidades geoambientais, vegetação, propriedades físico e químicas dos solos, serviços ecossistêmicos, interações pedoecológicas, bem como conectividade ainda são escassos. Essa abordagem é fundamental para nortear planos e ações atuais e futuras de preservação e utilização sustentável dos recursos naturais desses ecossistemas. A abordagem geoambiental é uma alternativa capaz de promover uma metodologia rápida e segura nos processos de decisão para recuperar, proteger e aumentar a estabilidade ecossistêmica dos CR como todo. O projeto em tela oferece uma proposta técnico-científica de longa duração (três anos), com o objetivo de caracterizar diferentes geoambientes que compõem as paisagens de quatro importantes UCs sobre os principais substratos geológicos do estado de Minas Gerais, sob uma visão integrada das relações solo-vegetação, serviços ecossistêmicos e conectividade da paisagem. A metodologia será aplicada de forma semelhante para os CR do Parque Nacional das Sempre Vivas, do Caparaó, Cavernas do Peruaçu e Serra do Gandarela. Assim, este projeto irá obter informações únicas e detalhadas sobre variáveis bióticas e abióticas, norteadoras da gestão efetiva e e eficiente das UCs.
  • Universidade Federal de Viçosa - MG - Brasil
  • 11/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Carlos Felipe Grangeiro Loureiro

Engenharias

Engenharia de Transportes
  • transporte público no acesso equitativo e sustentável às oportunidades nas metrópoles brasileiras - redetp@cesso
  • Nas últimas duas décadas, o planejamento urbano integrado tem sido repensado e reformulado sob a perspectiva da acessibilidade sustentável. Essa abordagem trata conjuntamente as dimensões relacionadas ao uso do solo e aos transportes, em busca de promover o desenvolvimento urbano sustentável por meio de políticas públicas que resultem não só numa mobilidade mais eficiente, segura, ativa e inclusiva, como especialmente em distribuições espaço-temporais mais equitativas e justas para o acesso às atividades econômicas, educacionais e socioculturais. Esta pesquisa em rede cooperativa se propõe a desenvolver e validar métodos de avaliação estratégica das desigualdades socioespaciais na acessibilidade e mobilidade ao trabalho e estudo nas metrópoles brasileiras. Busca-se alcançar os seguintes objetivos específicos: a) construir uma representação conceitual das relações de causalidade entre decisões de atividades, locacionais e de comportamento de viagens; b) consolidar uma metodologia de avaliação estratégica das problemáticas da acessibilidade e mobilidade urbanas, visando fundamentar avaliações ex-ante e ex-post de políticas públicas para uso do solo e das intervenções nos transportes; c) estimar indicadores utilizando técnicas de mineração de dados, análise espacial exploratória e econometria espacial, a partir de dados censitários, pesquisas OD e big data de transportes; d) desenvolver modelos espaciais confirmatórios capazes de dar suporte ao diagnóstico estratégico, quantificando desigualdades nas suas distribuições socioespaciais e inferindo suas relações causais com os elementos urbanos; e) validar a metodologia proposta por meio da análise comparativa da evolução das problemáticas de acessibilidade e mobilidade, assim como da avaliação ex-post das intervenções implementadas nas redes multimodais de transporte público de Fortaleza, Belo Horizonte e São Paulo.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 07/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Carlos Fernando Pereira da Silva Herrero

Ciências da Saúde

Medicina
  • avaliação do impacto da lista de espera para procedimento cirúrgico em indivíduos diagnosticados com escoliose idiopática do adolescente (eia) e suas repercussões para o sistema único de saúde: revisão sistemática com metanálise.
  • A escoliose se caracteriza por um desvio lateral da coluna no plano coronal com um ângulo de Cobb superior a 10 graus, associado a um componente rotacional das vértebras. A Escoliose Idiopática do Adolescente (EIA) geralmente acomete adolescentes dos 10 aos 18 anos, sendo a mais comum e é a forma encontrada em 90% dos casos de escoliose idiopática e será o tema de foco desse estudo. Os critérios para confirmação do diagnóstico de EIA devem ser feitos através do exame físico e do exame de imagem. Devido à demanda crescente e ao difícil acesso a recursos essenciais para a cirurgia o tratamento cirúrgico de deformidades da coluna vertebral em sistemas de saúde com financiamento público, foi submetido a lista de espera cada vez maiores, esse longos períodos de espera para demonstraram ser prejudicial aos indivíduos diagnosticados com EIA de várias maneiras diferentes, durante a espera a condição de saúde do indivíduo pode progredir, acarretando aumento dos sintomas. Além disso, também pode afetar negativamente a saúde mental e a qualidade de vida do indivíduo. O objetivo desse estudi é estimar os efeitos da espera pela cirurgia na fila do SUS, relacionados a maiores complicações cirúrgicas pelo aumento da curva e pelo efeito financeiro para o sistema de saúde, por meio de uma revisão sistemática com metanálise. O presente estudo será realizado através de uma revisão sistemática da literatura norteada conforme as recomendações do Manual Joanna Briggs Institute Reviewers, das diretrizes da Colaboração Cochrane e do relatório MOOSE. Foram conduzidas buscas preliminares nas bases de dados LILACS, PEDro, SciELO, Science Direct, e Web of Science e PubMed. Os termos utilizados foram: “scoliosis” [AND] “waiting list”. Dois avaliadores, de forma independente, selecionarão os estudos potencialmente relevantes a partir dos títulos, resumos e texto completo. Os avaliadores irão obter os dados dos estudos de forma independente e em formulário padronizado. Os dados obtidos serão submetidos aos tratamentos estatísticos adequados.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 01/01/2020-31/12/2022
Foto de perfil

Carlos Henrique Assuncao Paiva

Ciências Humanas

História
  • rede de atenção à saúde na região metropolitana do rio de janeiro: trajetória e perspectivas
  • Este projeto é uma iniciativa conjunta do Departamento de Pesquisa em História da Ciência e da Saúde (DEPES-COC), do Departamento de Arquivo e Documentação (DAD-COC), da Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, em conjunto com o Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família da Universidade Estácio de Sá; e o Laboratório de Educação e Práticas de Saúde da Universidade Federal do Sul da Bahia, e propõe o desenvolvimento integrado de dois eixos de atividades: (1) reconstruir, por meio de pesquisa histórica, a trajetória da Rede de Atenção à Saúde na região metropolitana do Rio de Janeiro e suas conexões com o cenário nacional e as correntes de pensamento e formulações programáticas da saúde internacional; e (2) estabelecer fontes de informação especializadas sobre a história das políticas e modelos de atenção à saúde, integradas às bases e plataformas de informação histórica administradas pela Casa de Oswaldo Cruz, incluindo a Biblioteca Virtual de História da Saúde e Patrimônio Cultural (HPCS); o Banco de Dados Bibliográficos de História da Saúde Pública na América Latina e o Caribe (Base Hisa) e o site do Observatório de História e Saúde.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 03/11/2021-30/11/2024
Foto de perfil

Carlos Henrique Camargo

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • epidemiologia genômica de enterobactérias produtoras da carbapenemase ndm em isolados clínicos brasileiros
  • Micro-organismos multirresistentes são um desafio à prática clínica, pois causam impacto negativo na morbidade associada, na letalidade, no tempo de hospitalização e nos custos gerados ao sistema de saúde. No Brasil, taxas hiperendêmicas são reportadas para enterobactérias resistentes aos carbapenêmicos, particularmente isolados produtores da beta-lactamase Klebsiella pneumoniae carbapenemase (KPC), que encontra-se disseminada em diversas instituições. Preocupantemente, a taxa de resistência à polimixina em isolados produtores de KPC também é relatada em proporções crescentes no país. Uma das alternativas recentemente lançadas no mercado, e já aprovada para utilização no Brasil, com promissora atividade contra enterobactérias produtoras de KPC é a nova associação de antimicrobianos ceftazidima-avibactam (CAZ-AVI). Este novo antimicrobiano tem capacidade agir em isolados produtores de KPC. Entretanto, não apresenta atividades contra outra subclasse de enzimas carbapenemases, as metalo-beta-lactamases (MBL). Entre as variantes de MBL mais frequentes em enterobactérias no Brasil, tem especial destaque a denominada New Delhi Metalobetalactamase (NDM), emergente em nosso meio. A introdução de um novo antimicrobiano que não cobre este tipo de resistência deve ser cautelosamente monitorado, uma vez que já há relatos de substituição de KPC por MBL em centros médicos que não utilizaram CAZ-AVI de forma mais racionalizada. Desta maneira, este estudo tem por objetivo avaliar o comportamento de isolados de enterobactérias produtoras de NDM após introdução de um novo antimicrobiano que não cobre este mecanismo de resistência. Para tanto, o genoma bacteriano será sequenciado pelas tecnologias Illumina e/ou MinIon para análise genômica de alta definição, permitindo a caracterização do contexto genético associado à dispersão dos genes de resistência e da filogenia de alta resolução por meio de análise de whole genome SNPs e whole genome MLST.
  • Instituto Adolfo Lutz - SP - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Carlos Henrique de Carvalho

Outra

Ciências Ambientais
  • mobilidade e convergêmcia: formação de doutores para transformação
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal de Uberlândia - MG - Brasil
  • 07/02/2020-06/02/2025
Foto de perfil

Carlos Henrique Radavelli

Outra

Multidisciplinar
  • semana nacional de ciência e tecnologia de caçador-sc
  • Essa proposta possui o título SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA IFSC CIDADE DE CAÇADOR - SC e está fundamentada pela Chamada CNPq/ MCTIC n.- 05/2022 para realização da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia - SNCT 2022, sob a temática “BICENTENÁRIO DA INDEPENDÊNCIA: 200 anos de Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil”. A proposta também segue concatenada sobretudo com o Objetivo do Desenvolvimento Sustentável - ODS 11,- Cidades e Comunidades Sustentáveis e tem em seu objetivo oferecer para a cidade de Caçador e região a SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA EM CAÇADOR – SANTA CATARINA e região, sediada no IFSC Câmpus Caçador para todos os munícipes, dando ênfase a alunos da rede pública municipal e estadual de quatro municípios, Caçador, Lebon Régis, Calmon e Rio das Antas.
  • Instituto Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 12/09/2022-31/03/2023
Foto de perfil

Carlos Henrique Xavier Custódio

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • influência de sistemas neuroendócrinos sobre a modulação circulatória e de comportamentos: potenciais rotas terapêuticas em fisiopatologias cardiometabólicas
  • Doenças cardiometabólicas resultantes de desregulação hormonal e circulatória têm alta incidência e prevalência. O estudo de mecanismos integrativos envolvidos pode resultar em novas terapias que reduzam custos de tratamento e morbi-mortalidade. Eixos hormonais orexigênicos contribuem para a homeostase, entretanto, sua desregulação pode compor a fisiopatologia de doenças. Os receptores para tais hormônios são expressos no encéfalo, nervos periféricos, coração, vasos sanguíneos e rins. GHS-R1a é o receptor/alvo para o hormônio (agonista) peptídico gástrico grelina. Além disso, o GHS-R1a tem atividade intrínseca, independente de agonismo. Desta forma, seria necessária a modulação de GHS-R1a, em contraponto à atividade constitutiva e aos efeitos da grelina. LEAP2, um peptídeo hepático, foi recentemente identificado como um antagonista/agonista inverso de GHS-R1a, sugerindo a possibilidade de modular GHS-R1a em diferentes tecidos. É plausível hipotetizar que a relação grelina vs. LEAP2 sobre GHS-R1a resulte em doenças metabólicas e circulatórias. Reportamos que a ativação de GHS-R1a potencia a reatividade ao estresse emocional, reduz tônus vagal, aumenta o simpático e a sensibilidade de receptores beta adrenérgicos cardíacos [Camargo-Silva et al., 2018]. Recentemente, relatamos que GHS-R1a tem sua expressão alterada em rins e áreas centrais, e é protagonista na gênese da hipertensão e no balanço hidroeletrolítico [Sales da Silva et al., 2020]. Embora haja evidências da contribuição de GHS-R1a para fisiopatologia de disfunções cardiocirculatórias, metabólicas e emocionais, não há dados sobre os efeitos de LEAP2 em condições fisiológicas e fisiopatológicas, sobre o controle autonômico cardiovascular, função renal e tonicidade de fluidos. Utilizaremos avaliações eletrofisiológicas, de morfofisiologia cardíaca, renal e encefálica, hemodinâmica, função renal e avaliações moleculares no estudo dos efeitos de LEAP2 em modelos de hipertensão neurogênica e transtornos emocionais
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 23/06/2022-30/06/2025
Foto de perfil

Carlos Humberto Martins

Engenharias

Engenharia Civil
  • investigação de vigas alveolares mistas de aço-concreto com lajes em crfa e carrfa
  • O projeto tem foco em pisos mistos convencionais formados por vigas com perfis I com aberturas sequenciais na alma (perfis alveolares) com lajes em concreto reforçado com fibras de aço (CRFA) e concreto de agregado reciclado reforçado com fibras de aço (CARRFA). O emprego destas fibras reduz o uso de armaduras convencionais. Já o emprego de perfis alveolares possibilita a redução do peso da estrutura e o aumento da capacidade resistente à flexão contribuindo para a industrialização da construção civil. Assim, a associação desses dois elementos (lajes e perfis alveolares) fornece um grande potencial de industrialização com vantagens econômicas e sustentáveis, principalmente com o uso de agregados reciclados. O estudo de vigas alveolares mistas é escasso, principalmente quando se trata de perfis com aberturas senoidais e de lajes em CRFA e CARRFA, sendo seu uso bastante recente e inovador. O modelo constitutivo do CRFA e CARRFA será obtido por ensaios de resistência à tração, compressão e de arrancamento de fibras. Este último é utilizado para obter o comportamento pós-fissuração do CRFA com um aparato experimental portátil. Dessa forma, o objetivo do projeto é investigar o comportamento de pisos mistos de aço e CRFA e CARRFA, com lajes e perfis alveolares, dando ênfase a capacidade resistente à flexão, analisando possíveis fenômenos de instabilidade via software Abaqus. Para as análises com não linearidades físicas, poderão ser utilizados modelos fenomenológicos ou modelos provenientes de homogeneização da microestrutura com uma abordagem multi-escala. Portanto, por meio de uma extensa análise paramétrica determinar-se-á a influência dos parâmetros sobre o comportamento dos pisos mistos de aço e concreto sobre flexão positiva e negativa. Assim, será possível o desenvolvimento de procedimentos práticos para a estimativa da capacidade resistente desse sistema estrutural por meio da utilização de redes neurais artificiais (RNA).
  • Universidade Estadual de Maringá - PR - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Carlos José Espíndola

Ciências Humanas

Geografia
  • dinâmica geoeconômica dos agronegócios de carnes e grãos no brasil no pós-2003
  • O objetivo geral deste projeto é apresentar as múltiplas combinações geográficas responsáveis pela dinâmica expansiva dos agronegócios de grãos e carnes na formação socioespacial brasileira no pós-2003. Esse objetivo foi derivado da questão central: Quais foram as combinações geográficas responsáveis pela dinâmica geoeconômica dos agronegócios de carnes e grãos dentro da formação socioespacial do Brasil no pós-2003?. Com base no referencial teórico, o levantamento bibliográfico e documental, a coleta de dados, as entrevistas e as pesquisas de campo, buscar-se-á demonstrar que os agronegócios de carnes e grãos desempenham importante papel na economia brasileira. Procurar-se-á demonstrar que o dinamismo geoeconômico dos agronegócios de carnes e grãos é fruto das combinações geográficas internas e externas que determinam as vantagens competitivas agroindustriais.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025