Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Argemiro Midonês Bastos

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • feira amapaense de física: aprendendo física no meio do mundo como no resto do mundo.
  • A melhor maneira de aprender é fazendo. O projeto de realização, no Amapá, da Feira Amapaense de Física: Aprendendo Física no meio do mundo como no resto do mundo, pretende consolidar a percepção da Ciência além dos livros didáticos propostos aos alunos do ensino fundamental, médio e técnico profissionalizante. A feira de ciências é o momento em que o aluno aplica a fundamentação das teorias científicas na compreensão de determinado fenômeno e consegue propor mecanismos alternativos ao desenvolvimento de técnicas mais eficientes. Assim, a feira amapaense, além de descobrir novos talentos, será a oportunidade para os estudantes do estado associarem o conhecimento científico a sua vivência local, destacando a proteção à biodiversidade, a igualdade de gênero, o desenvolvimento sustentável, o empreendedorismo e a inovação científica como ferramentas de redução dos problemas ambientais, uma vez que tal feira terá como tema para sua primeira edição Água: ações que melhoram a qualidade e multiplicam a oferta. Este tema busca trabalhar, em uma região com grande disponibilidade hídrica, a relação da Física com outras áreas do conhecimento, reforçando a multidisciplinaridade e desenvolvendo a capacidade inventiva e investigativa nos estudantes. Os trabalhos a serem apresentados serem agrupados em um dos quatro subtemas: 1- água e saúde, 2- água e produção de alimentos, 3- água e mineração e 4- água e lazer. Além disso, a feira tem como pressuposto o duplo aspecto de servir ao desenvolvimento do estudante, enquanto indivíduo, e à construção do conhecimento relacionado ao uso sustentável da água. A feira não será restrita à Física, pelo contrário, partindo de uma abordagem lúdica, espera-se que as ações de intervenção positiva, a serem propostas e socializadas na feira, disseminem informação e saberes sobre o uso sustentável dos recursos hídricos considerando seus múltiplos aspectos e os diversos campos da Ciência. Em sua primeira edição a “Feira Amapaense de Física: Aprendendo Física no meio do mundo como no resto do mundo” objetiva alertar e conscientizar a criança, o adolescente e o público em geral para o problema da água no planeta, buscando integrar os diversos níveis e modalidades de ensino na formação de futuros multiplicadores comprometidos com a vida, com o bem-estar de cada um e da sociedade local e global.
  • Instituto Federal do Amapá - AP - Brasil
  • 04/12/2018-31/12/2020
Foto de perfil

Argimiro Resende Secchi

Engenharias

Engenharia Química
  • controle e otimização do processo de separação de enantiômeros
  • Esquistossomose é um problema de saúde pública mundial que afeta mais de 200 milhões de pessoas e a estratégia para reduzir a mortalidade causada por essa doença faz uso do tratamento com praziquantel (PZQ), principalemente em crianças em idade escolar expostas a condições nutricionais e de higiene precárias. A eficácia e segurança do uso de PZQ no tratamento de esquistossomose estão assegurados, porém, o seu sabor fortemente amargo, em formulações líquidas, provoca vômitos e é a causa da frequente não adesão ao tratamento de esquistossomose em crianças. PZQ é uma substância lipofílica e quiral, atualmente importado pelo Ministério da Saúde e formulado como racemato na forma sólida. No entanto, apenas a espécie enantiomérica (R)-PZQ apresenta atividade anti-helmíntica e a formulação líquida baseada no (R)-PZQ apresenta sabor 100 vezes menos amargo que a formulação baseada no racemato. A substituição da mistura racêmica de PZQ pela espécie (R)-PZQ pode levar à redução significativa da dose necessária à formulação, reduzir o sabor amargo de formulações líquidas, indispensáveis ao tratamento de crianças, e melhorar sua biodisponibilidade. Portanto, neste projeto, pretende-se desenvolver métodos e ferramentas para o controle avançado e otimização dinâmica em tempo real do processo de separação contínua desses enantiômeros para garantir a produção do (R)-PZQ puro com máxima produtividade visando o desenvolvimento de formulações farmacêuticas do tipo suspensão pronta e na forma de pó para suspensão, que são os dois tipos adotados pelo Ministério da Saúde e pela Organização Mundial da Saúde. Os métodos desenvolvidos serão aplicados em uma unidade piloto do processo contínuo de cromatografia quiral em leito móvel simulado seguida de cristalização preferencial do (R)-PZQ.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ariadne Cristina Catto

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • desenvolvimento de dispositivos sensores de gás baseados em óxidos metálicos semicondutores.
  • Nos últimos anos, na tentativa de controlar a presença de gases tóxicos ou nocivos na atmosfera de zonas urbanas, surgiu a necessidade de construção de sensores eletrônicos sensíveis e estáveis, os quais sejam adequados para a detecção de pequenas quantidades de diversas espécies gasosas tóxicas. Entre os materiais com potencial para atuar como sensores de gás, destacam-se o óxido de ferro (-Fe2O3) e o nitreto de carbono grafítico (g-C3N4). No entanto, as altas temperaturas de operação (150 a 500 oC ) destes materiais sensores restringem suas aplicações. Recentemente, pesquisas têm demonstrado que a formação de junção entre dois semicondutores distintos contribui significativamente na formação de sítios ativos, favorecendo propriedades sensoras dos materiais. Adicionalmente, a formação da heterojunção também tem se mostrado benéfica na redução da temperatura de funcionamento do material sensor. Neste trabalho, serão preparadas nanoestruturas de -Fe2O3, e g-C3N4, e suas respectivas heteroestruturas de -Fe2O3/g-C3N4, as quais serão estudadas como sensores resistivos de gás. As heteroestruturas serão formadas pelo método sonoquímico a partir dos compostos pré formados de -Fe2O3, e g-C3N4 que serão preparados via rota hidrotérmica e por polimerização térmica, permitindo assim a obtenção controlada e reprodutível das nanoestruturas puras. As amostras serão avaliadas quanto ao seu desempenho como sensores de gás por meio da realização de medidas DC (corrente continua), sendo expostas a gases redutores e oxidantes (e.g. O3, NO2, e NH3), buscando desenvolver um sensor que possa atuar a uma temperatura mais próxima da temperatura ambiente com baixo consumo de energia. Com o intuito de compreender os mecanismos envolvidos no processo de detecção de gás pelas heteroestruturas, será desenvolvido concomitantemente um estudo “in-situ e operando” utilizando a técnica de espectroscopia de impedância AC (corrente alternada). Esta investigação contribuirá para compreender o papel das regiões do dispositivo (bulk e interfaces) envolvidas no funcionamento dos sensores.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Arian Ojeda González

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • métodos para estudar lâminas de corrente bidimensionais: aplicação em distúrbios interplanetários
  • Este projeto visa trabalhar com duas novas funções geradoras para obter soluções analíticas de lâminas de corrente bidimensionais. Como resultado espera-se analisar os pontos magnéticos tipo-X e tipo-O. As soluções analíticas são úteis para validar um método que identifica as lâminas de corrente a partir de dados medidos em distúrbios interplanetários. A relação das lâminas de corrente com reconexão magnética e a turbulência no interior dos distúrbios interplanetários é analisada.
  • Universidade do Vale do Paraíba - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ariane Leite Rozza

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • mecanismos fisiológicos envolvidos na cicatrização cutânea após tratamento com mentol em ratos diabéticos e não-diabéticos
  • A perda da integridade da pele devido a injúrias resulta na formação de feridas. Em resposta a essas injúrias, inicia-se a cicatrização, processo dinâmico que reestabelece a função e a integridade do tecido. Tal processo é dividido em três fases sobrepostas: fase inflamatória, cujos principais eventos são a hemostasia e a inflamação, fase proliferativa, na qual há a formação do tecido de granulação, e fase de remodelamento da matriz extracelular. O terpeno mentol apresenta efeito anti-nociceptivo, anestésico local e antimicrobiano e tem sido relacionado à redução da glicemia e obesidade e prevenção da diabetes. O presente projeto tem por objetivos elucidar os mecanismos fisiológicos disparados no processo de cicatrização de feridas cutâneas sob o efeito do mentol, em ratos não-diabéticos e diabéticos. Após anestesia, a ferida de 2 cm de diâmetro será induzida na região dorsal de ratos Wistar machos. Os ratos (n=8) serão randomicamente divididos nos grupos de tratamento: creme base (controle), colagenase (1.2 UI/g, controle positivo), creme de mentol a 0.25%, 0.5% ou 1.0% e grupo branco. Tais lesões serão tratadas e medidas uma vez por dia durante 3, 7 ou 14 dias (de acordo com as fases da cicatrização). A diabetes será induzida por estreptozotocina em outro grupo de ratos que, após instalação da ferida, serão tratados com creme base, creme à base de insulina (0.5 U/g) e creme à base de mentol (menor concentração efetiva) durante 14 dias. Após eutanásia, as feridas serão destinadas a análises histológicas (contagem de células inflamatórias, escore inflamatório, deposição e morfologia das fibras colágenas), histomorfométricas (medida de altura do epitélio de regeneração, espessura da epiderme e derme) e imunohistoquímicas (EGF, VEGF, Ki-67, NF-KB), além de análises de atividade anti-inflamatória (atividade das citocinas TNF-alfa, IL-6, IL-1beta, IL-10), antioxidante (atividade de GR, GPx, MPO, SOD, nível de GSH) e análises de expressão gênica (TGF-beta1, EGF, VEGF, colágeno I, colágeno III, TNF-alfa) e proteica (AKT, eNOS, ERK) e dosagem de metaloproteinases (MMP-2 e MMP-9). O plasma sanguíneo será destinado a análises de marcadores de disfunção hepática e renal (ureia, creatinina, fosfatase alcalina, gama-glutamil transferase, alanina transaminase e aspartato transaminase) e dosagem do nível de insulina.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Ariane Mendonça Kluczkovski

Ciências Agrárias

Ciência e Tecnologia de Alimentos
  • impacto da ingestão de castanha-do-brasil em grupo populacional da amazônia por meio de biomarcadores adutos-dna-aflatoxina
  • As aflatoxinas são contaminantes de alimentos metabolizados por fungos e capazes de causar efeitos adversos à saúde de humanos e animais. A castanha-do-Brasil (Bertholletia excelsa HBK), por sua vez, é um alimento Amazônico, com relevante importância econômica e nutricional, relacionado com a contaminação desses metabólitos. Portanto, há necessidade de avaliar grupos populacionais quanto ao consumo da castanha-do-Brasil e à exposição à contaminação, como ferramenta para gerenciar riscos à saúde pública e para proteção econômica da castanha-do-Brasil. Devido à preocupação com a saúde do consumidor e com as restrições comerciais impostas por países importadores à importação da castanha-do-Brasil, houve necessidade de instituir mecanismos que garantissem a segurança na cadeia produtiva, quanto à presença de aflatoxinas, um composto cancerígeno e hepatotóxico (IARC, 1993). As aflatoxinas representam um risco de contaminação ambiental e podem estar presentes em diferentes tipos de alimentos que constituem a principal fonte de exposição para o homem. Com relatos da contaminação de lotes exportados pelo Brasil para a Europa de castanha-do-Brasil houve o surgimento de um gargalo comercial. Consequentemente intensivas pesquisas passaram a ser realizadas para os limites de contaminação. A associação da contaminação por aflatoxinas e a castanha-do-Brasil representa preocupação não só com o aspecto comercial, mas principalmente com a saúde pública, pois são substâncias produzidas em condições específicas, isto é, em temperatura e umidade relativas semelhantes às da região Amazônica. Apesar de a castanha-do-Brasil ser um alimento frequentemente consumido na culinária da região Norte brasileira, sua riqueza nutricional, com elevado teor protéico, calórico e lipídico tem alcançado novos grupos de consumidores. Dentre esses, se destacam os que buscam uma dieta rica em antioxidantes, que na castanha-do-Brasil, devido ao teor de Selênio ser superior às de outras nozes de árvores, atrai apreciadores da dieta naturalista, esportistas e idosos. Thomson et al. (2008) sugeriram que o consumo de 2 castanhas (média de 100 mg/dia) seria suficiente para que a enzima responsável pelos efeitos antioxidantes no organismo humano, tenha a ação esperada. Considerando que as aflatoxinas tem sido encontradas na castanha-do-Brasil e que os diversos fatores relacionados com a dieta podem estar relacionados a incidência de câncer, estudos de exposição são importantes (GROSS-STEINMEYER & EATON, 2012). As micotoxinas têm sido extensivamente estudadas em relação ao seu mecanismo de ação, mutagenicidade e atividade carcinogênica. Estudos sobre esses mecanismos utilização biomarcadores para os produtos de biotransformação e adutos de aflatoxinas, por exemplo. Desta forma, a mensuração de adutos de aflatoxinas, com biomarcadores para a avaliação da exposição humana, por meio de metodologias analíticas simples, rápidas, precisas e exatas pode ajudar a prevenir ou minimizar os agravos à saúde decorrentes da exposição do organismo humano a essas substâncias.
  • Universidade Federal do Amazonas - AM - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Ariane Zamoner Pacheco de Souza

Ciências da Saúde

Farmácia
  • estudo dos efeitos e dos mecanismos moleculares subjacentes à exposição aos herbicidas glifosato e dicamba em encéfalo de ratos e em células de glioblastoma: possível papel dos agrotóxicos no desenvolvimento de câncer
  • A utilização de agrotóxicos na atividade agricola está em crescente expansão, sendo que o Brasil é o maior consumidor mundial destes produtos desde 2008. Esta “liderança” traz consequências desastrosas para a ambiente e para a saúde dos brasileiros. A indústria agroquímica constantemente busca “sair na frente”, investindo em melhoramentos genéticos e permitindo que plantas sejam resistentes aos agrotóxicos. No Brasil, a soja transgência resistente ao glifosato é o cultivar geneticamente modificado mais predominante, comercializado sob o nome de soja Roundup Ready®, que pode receber doses generosas do herbicida Roundup®, nome comercial do herbicida a base de glifosato (HBG) mais vendido no Brasil e no mundo. Além isso, sementes transgênicas resistentes a “novos” herbicidas, como o dicamba, também foram desenvolvidas. O Dicamba é um agrotóxico que vem ganhando mercado internacional, em especial após pesquisadores da Universidade do Nebraska (EUA) desenvolverem sementes de soja e outras espécies de plantas de folha larga resistentes ao mesmo. O direito da comercialização desta nova tecnologia foi vendido para a Monsanto/Bayer. As plantas transgênicas resistentes ao dicamba atuam no gene que expressa a proteína DMO ou dicamba mono-oxigenase, interferindo na formação de microtúbulos. O dicamba (ácido 3,6-dicloro-2-metoxibenzóico) é um herbicida hormonal de ação sistêmica, pós-emergente do grupo químico do ácido benzoico. No Brasil, está previsto para o final de 2020 o início da comercialização e autorização do plantio das sementes transgênicas resilstentes so Dicamba. Considerando o exposto, o mecanismo de ação e o potencial de toxicidade dos HBGs e do Dicamba precisam ser melhor compreendidos e divulgados, no sentido de fornecer subsídios científcos em prol de medidas preventivas e/ou regulamentadoras para a tomada de decisão das agências reguladoras. A exposição a agroquímicos tem sido apontada como fator de risco para o desenvolvimento de doenças neurodegenerativas, transtornos psiquiátricos e câncer. Estudos epidemiológicos apontam que a incidência de diversos tipos de câncer, entre eles o glioblastoma, é maior em agricultores do que na população geral, o que não pode ser ao acaso e deve, provavelmente, estar associada à utilização crescente de agrotóxicos por este grupo populacional. Dados obtidos a partir de modelos animais de nosso grupo de pesquisa mostraram que a excitotoxicidade glutamatérgica, desbalanço do sistema redox, aumento nas concentrações de Ca+2 intracelular e alterações metabólicas estão envolvidos nos efeitos tóxicos do herbicida a base de glifosato (HBG) em diferentes tipos celulares. Esses efeitos foram associados ao desenvolvimento de comportamento tipo-depressivo na prole de animais expostos ao HBG durante a gestação e lactação. Esses dados corroboram as altas taxas de depressão e de tentativas de suicídio entre agricultores de diversas regiões do mundo. Nesse sentido, o objetivo do presente projeto é investigar os efeitos tóxicos associados à exposição materna ao HBG e ao Dicamba na prole durante o neurodesenvolvimento em parâmetros que relacionam a sinalização cruzada entre o sistema imunológico e o SNC. Para tal, será utilizado um modelo animal de exposição materna ao HBG e dicamba durante a prenhez e lactação. Os efeitos tóxicos dos herbicidas serão investigados no encéfalo e sangue periférico da prole através da determinação de parâmetros bioquímicos, histológicos e imunológicos com o intuito de demonstrar a participação da neuroinflamação e desbalanço redox no mecanismo de toxicidade do HBG e do dicamba. Em culturas de células de neuroblastoma humano da linhagem U87MG serão investigadas as alterações provocadas pela exposição ao HBG ou ao Dicamba em diferentes parâmetros bioquímicos, na modulação da expressão gênica, dano oxidativo, alterações metabólicas e em vias de sinalização na tentativa de conhecer alguns possíveis alvos de ação deste agrotóxico sobre células tumorais. Serão investigados os efeitos dos herbicidas sobre a viabilidade celular, a proliferação e o ciclo celular, nos tipo de morte celular, bem como nos possíveis mecanismos envolvidos na modulação do ciclo redox e alterações no metabolismo glicolítico celular. Finalmente, o desenvolvimento deste projeto permitirá aprofundar os estudos no conhecimento dos mecanismos biológicos, bioquímicos e moleculares potencialmente associados aos efeitos dos HBGs e do dicamba sobre células neurais e de tumores cerebrais. O conhecimento dos alvos e dos mecanismos de toxicidade envolvidos nos efeitos deletérios dos herbicidas pode fornecer evidências aos órgãos regulamentadores quanto ao controle do uso desta substância, bem como de estratégias de redução de danos em prol da saúde dos indivíduos expostos.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Arianne Pontes Oriá

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • avaliação dos implantes “in vivo” da poliamida, do acrilonitrila butadieno estireno, do cimento de alfa fosfato tricálcico (alfa-tcpm) e do alfa-tcpm acrescido de poli ácido láctico-co-glicólico/poli isopreno confeccionados em impressora 3d.
  • Os implantes são comumente utilizados com o objetivo de substituir parcialmente ou totalmente uma estrutura orgânica. Diversos biomateriais tem sido utilizados para esta finalidade, no entanto, ainda não se tem definido o implante considerado ideal. Desta forma, buscar-se-á com a pesquisa estudar o comportamento e a biocompatibilidade da poliamida, do acrilonitrila butadieno estireno (ABS), do cimento de alfa-fosfato tricálcico de dupla pega munido com macroporosidades (alfa-TCPm) e do alfa-TCPm com adição de poli ácido láctico-co-glicólico/poli isopreno (Cellprene®) (alfa-TCPmC). Para tal, o trabalho será dividido em duas etapas: na primeira ocorrerá o planejamento e confecção dos implantes, os quais serão consignados a testes macroscópicos e de microscopia eletrônica de varredura; na segunda, ocorrerão os testes em animais, onde realizar-se-á a avaliação dos quatro tipos de implantes em subcutâneo de ratos. Em continuidade, será avaliado, na mandíbula de coelhos os implantes de alfa-TCPm e alfa-TCPmC e após, será avaliado os quatro implantes na cirurgia de avanço da tuberosidade da tíbia. O acompanhamento dos animais será feito por avaliação de dor e ensaios radiográficos que serão realizados no pré- e pós-operatórios imediatos e ao final de cada período experimental (15, 30, 45 e 60 dias). Após o término dos períodos de avaliação, os animais serão eutanasiados e os implantes juntamente com o tecido adjacente serão removidos e encaminhados para avaliação histopatológica.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 01/06/2017-30/11/2020
Foto de perfil

Ariel Behr

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • mecanismos de governança da informação contábil
  • A informação torna-se progressivamente o principal ativo viabilizador de bons resultados nas empresas. Em um ambiente marcado pela abundância de dados, pela alta velocidade na mudança de modelos de negócios e pelo grande impacto dos recursos tecnológicos em tal contexto; destaca-se a informação contábil como um tipo de informação vital para as empresas de todos os portes, e que deve servir de suporte para os diversos tipos de tomada de decisão. Para que viabilize boas decisões, a informação contábil precisa ser útil, tempestiva e de qualidade, conforme prescrito pelos marcos conceituais da informação contábil, e conforme esperado pelos usuários dessa informação. Próximo a este contexto, verifica-se que a literatura que trata da Governança de Tecnologias de Informação, e especialmente da Governança da Informação (não restrita à informação contábil) considera o papel crítico das tecnologias e da informação no contexto empresarial, apresentando mecanismos para administrar de forma eficiente esse recurso, como, por exemplo, os frameworks ITIL (Information Technology Infrastructure Library) e COBIT (Control Objectives for Information and related Technology). Todavia, tais mecanismos não são particularizados, nem tratados de forma específica diante das necessidades e finalidades da informação contábil. Sendo assim, o propósito do presente projeto está em identificar quais são, e como são utilizados, os principais mecanismos para governar a informação contábil. Assim, o objetivo da presente proposta de pesquisa está em identificar, descrever e analisar o uso dos principais mecanismos de governança da informação contábil. Para tanto, de forma quanti e qualitativa serão consultados especialistas contábeis que elaborarão um ranking consensual dos principais mecanismos de governança da informação contábil, por meio da utilização da Técnica Delphi ranking-type. Posteriormente, serão conduzidas entrevistas, também com especialistas, sobre as práticas de uso dos principais mecanismos de governança da informação contábil identificados na etapa anterior. Espera-se com isso disseminar os mecanismos, e promover reflexões que possam fomentar a utilização dos mecanismos na prática contábil dos diversos tipos e portes de empresas. E, assim, implicar na melhoria da qualidade da informação contábil para os diversos tipos de tomada de decisão.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ariel Mariano Silber

Ciências Biológicas

Parasitologia
  • o papel biológico de aminoácidos e seus metabólitos derivados em trypanosoma cruzi
  • Diversos estudos têm descrito a importância dos aminoácidos na biologia de diferentes protozoários como o Trypanosoma cruzi, o agente etiológico da doença de Chagas. Os aminoácidos, além de atuarem na síntese protéica e no metabolismo energético, possuem diversas outras funções no parasito. Dentre eles, vale a pena mencionar a diferenciação entre formas replicativas e infectivas, o sustento energético da invasão das células do hospedeiro mamífero, o estabelecimento da infecção e a resistência a diferentes tipos de estresse aos quais o parasita é naturalmente submetido ao longo do seu ciclo biológico, tais como o estresse osmótico, térmico, oxidativo e nutricional. Até agora tem-se avaliado o papel de vários dos aminoácidos, de maneira individual, nesses processos. Porém, ainda não há um trabalho integrado e sistemático que permita avaliar o papel das principais vias metabólicas envolvendo aminoácidos, nem as suas possíveis interações. Este projeto tem o propósito de: (1) Construir um mapa do metabolismo dos aminoácidos com foco naqueles com funções na bioenergética de T. cruzi, incluindo a definição de auxotrofias para estes metabólitos. (2) Avaliar para todos os aminoácidos a capacidade de: i) induzir síntese de ATP, H2O2, explosão respiratória e potencial de membrana mitocondrial, ii) diferenciação, iii) sustentar a invasão celular, iv) resistência a estresse oxidativo, térmico, nutricional, acídico e à toxicidade por acúmulo de NH4+, v) modular o ciclo celular, a autofagia e a morte celular programada sob estresse metabólico. (3) Avaliar, para os aminoácidos que apresentem alguma das funcionalidades descritas em (2), o papel funcional de enzimas do seu metabolismo, assim como o efeito da sua inibição química ou superexpressão em diferentes aspectos da biologia do parasito mencionadas em (2). (4) Realizar um estudo comparativo entre diferentes estágios das atividades das distintas vias metabólicas de aminoácidos por metabolômica dirigida (targeted metabolomic). (5) Desenvolver mediante CRISPR/Cas9 linhagens nocaute para as enzimas mais relevantes no metabolismo de aminoácidos de vias metabólicas críticas para os diferentes aspectos da biologia do parasita mencionados em (2) com o intuito de avaliar os seus possíveis efeitos relacionados com o potencial terapêutico. Avaliar por metabolômica o efeito da supressão gênica ou do tratamento com os inibidores sobre o perfil metabólico das células. (6) Avaliar o impacto do metabolismo de aminoácidos na administração dos níveis intracelulares de NH4+, e na produção de aminoaçúcares e glicoconjugados.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ariela Veloso de Paula

Engenharias

Engenharia Química
  • aplicação do processo de interesterificação química e enzimática em óleos residuais de baixa qualidade para a produção de biodiesel
  • Atualmente, estudos têm sido desenvolvidos visando-se otimizar a síntese de biodiesel e reduzir os custos, principalmente empregando-se óleos brutos ou residuais, matérias-primas de baixa qualidade e não competitiva com outros setores, como o alimentício. O método convencional para obtenção deste biocombustível é a transesterificação. No entanto, uma desvantagem desta via é a produção excessiva do glicerol. Portanto, tem-se buscado encontrar rotas alternativas para a referida síntese, visando-se minimizar a produção de glicerol. Dentre as alternativas, destaca-se a interesterificação, reação que ocorre entre os triacilglicerídeos do óleo e um éster de cadeia curta, mais comumente acetato de metila, resultando na formação de ésteres metílicos correspondentes aos ácidos graxos da matriz e triacetina. Este via não requer pré-tratamento da matéria-prima e permite o emprego de óleos e gorduras de baixa qualidade, além de ser uma rota que proporciona a produção de biodiesel sem glicerol, diminuindo o custo geral por não necessitar de purificação do produto. Além disso, a triacetina formada na reação é um subproduto de interesse industrial e passível de agregação de valor, podendo ser utilizada como lubrificante no biodiesel, entre outras aplicações. Desta forma, o presente trabalho tem como objetivo a avaliação da aplicação do processo de interesterificação na produção de biodiesel pelas rotas química subcrítica e enzimática, a partir de matérias-primas de baixa qualidade (em especial, óleos de gorduras residuais oriundos de atividades industriais, urbanas e/ou domésticas e óleo residual de frango). Inicialmente, as matérias primas serão caracterizadas de acordo com normas técnicas oficiais. Em seguida, as condições reacionais da interesterificação serão otimizadas considerando as rotas de síntese química e enzimática, utilizando reator em bancada e controlando as variáveis reacionais do processo. O rendimento reacional será avaliado por meio da determinação do teor de ésteres do biodiesel por cromatografia gasosa segundo a norma técnica oficial EN 14103 ou NBR 15764. Finalmente, a qualidade das amostras de biodiesel será efetuada segundo os critérios estabelecidos na resolução da ANP 45/2014. Os resultados obtidos serão divulgados em meio científico via congressos e artigos nacionais e internacionais. Assim, o fundamento desta proposta atua na proposição de novas estratégias processuais na cadeia produtiva do biodiesel visando à solução de obstáculos técnicos, e, consequentemente, contribuindo com o aumento da competitividade e com o desenvolvimento econômico e social deste mercado.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ariene Angelini dos Santos Orlandi

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • fatores associados à má qualidade do sono de idosos cuidadores
  • Introdução: A má qualidade do sono pode ser considerada um importante problema de saúde pública devido à alta prevalência entre os idosos e aos efeitos negativos sobre o bem-estar dos indivíduos. Sendo assim, mediante a identificação precoce dessa condição e de seus fatores associados, intervenções podem ser planejadas no sentido de reduzir os gastos com os serviços de saúde e melhorar a qualidade de vida desses indivíduos. Objetivo: Identificar os fatores associados à má qualidade do sono de idosos cuidadores. Método: Estudo descritivo, transversal, baseado no método quantitativo de investigação. A população será composta por pessoas com 60 anos ou mais, cadastradas e residentes na área urbana de abrangência das Unidades de Saúde Família (USF) de um município do interior paulista e que cuidam de idosos. Serão entrevistados todos os cuidadores que atenderem os seguintes critérios de inclusão: possuir 60 anos de idade ou mais; ser cadastrado em uma USF inserida em contexto de alta vulnerabilidade social, pertencente ao setor urbano; ser o cuidador primário de um idoso que resida na mesma casa; compreender as questões da entrevista. Os critérios de exclusão utilizados serão: graves déficits de audição ou de visão, que possam dificultar a comunicação. As entrevistas serão realizadas no domicílio dos idosos cuidadores, em dias e horários previamente agendados. Serão utilizados os seguintes instrumentos: Caracterização do Cuidador; Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh; Exame Cognitivo de Addenbrooke – revisado; Fenótipo de Fragilidade de Fried; Escala de Depressão Geriátrica; Índice de Katz; Escala de Atividades Instrumentais de vida diária de Lawton e Brody; Inventário de Sobrecarga de Zarit, Escala de Estresse Percebido e Apgar de família. Os dados serão digitados em duas planilhas empregando-se o aplicativo MS Excel XP com duplo cego e importados para o aplicativo SPSS (Statistical Package for Social Sciences) versão 19.0. O teste de Kolmogorov-Smirnov será utilizado para verificar a existência de normalidade dos dados. A escolha dos testes paramétricos ou não paramétricos será feita após análise prévia de distribuições. O nível de significância para os testes estatísticos será p-valor < 0,05. Para análise de associação entre as variáveis será utilizada a análise de regressão logística, bruta e ajustada por meio do Odds Ratio (razão de chances). Resultados Esperados: Os resultados poderão trazer contribuições para a implantação de uma política de atenção ao idoso cuidador no âmbito da Estratégia de Saúde da Família, além de preencher a lacuna do conhecimento sobre os fatores associados à qualidade do sono de idosos cuidadores. Além disso, divulgar os resultados da pesquisa em eventos científicos (quatro resumos) e em periódicos indexados (dois artigos).
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ariosvaldo Nunes de Medeiros

Ciências Agrárias

Zootecnia
  • metabólitos secundários de plantas da caatinga e sua influência sobre os parâmetros fermentativos ruminais
  • Nos últimos anos, com a proibição do uso de aditivos químicos na alimentação animal, a exemplo dos antibióticos, tem se tornado cada vez mais comum, a busca por alternativas naturais que exerçam influência sobre os produtos da fermentação ruminal, contribuindo com a melhoria do desenvolvimento animal e, ao mesmo tempo, possam amenizar os problemas ambientais. Nesse sentido, objetiva-se com essa proposta identificar e quantificar a concentração de metabólitos secundários de plantas da Caatinga em diferentes fases fenológicas, e avaliar, in vitro, a influência desses compostos sobre os parâmetros fermentativos ruminais. O estudo será desenvolvido em uma área de Caatinga pertencente à Unidade de Pesquisa em Pequenos Ruminantes da Estação Experimental de São João do Cariri, pertencente ao Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal da Paraíba, município de São João do Cariri – PB. As espécies avaliadas serão: catingueira (Caesalpinia pyramidalis Tull.); marmeleiro (Croton sonderianus Muell. Arg.); pereiro (Aspidosperma pyrifolium Mart.). Dez indivíduos de cada espécie serão previamente selecionados e identificados aleatoriamente na área de estudo e, posteriormente, serão coletadas folhas em três fases fenológicas [jovens ou brotos (fase 1), maduras (fase 2) e senescentes (fase 3)], a uma altura máxima de 1.60 m e, logo após cada colheita, será realizada amostra composta por fase e por espécie. Imediatamente após a colheita, o material vegetal será congelado, posteriormente liofilizado e moído em moinho de faca tipo Wiley, usando peneiras com crivo de 1 mm para posterior obtenção dos extratos vegetais, a partir dos quais serão identificados e quantificados os metabólitos secundários presentes em cada espécie. Para avaliar o efeito dos extratos vegetais na fermentação ruminal, serão realizados testes de produção de gás in vitro, considerando-se dois substratos padrão: Substrato 1 = feno de capim tifton (Cynodon spp.); Substrato 2 = 70% capim tifton + 30% concentrado, para cada espécie. Formação dos tratamentos: T1 - controle (CTL) = substrato + inóculo + meio de incubação; T2 = CTL + extrato vegetal na fase 1; T3 = CTL + extrato vegetal na fase 2; T4 = CTL + extrato vegetal na fase 3. O delineamento experimental, para este ensaio, será em blocos casualizados, em esquema fatorial 4 x 3 x 2 (4 tratamentos x 3 espécies vegetais x 2 substratos), sendo a incubação, repetida cinco vezes, considerada como bloco. Serão utilizados dois frascos por tratamento em cada incubação, considerando a média dos frascos a repetição. O tempo total de incubação será de 96 horas para ambos os substratos. A pressão interna do frasco será mensurada às 3, 6, 12, 24, 48 e 96 h. Serão determinados a produção total de gás, a produção do gás metano (CH4), os tipos e as concentrações dos ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), o pH, o N-NH3, o crescimento microbiano, a composição bromatológica e a digestibilidade in vitro das espécies estudadas.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Aristeu da Silveira Neto

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • modelagem matemática e simulação numérica aplicada à escoamentos monofásicos e multifásicos
  • A Modelagem Matemática e a Dinâmica dos Fluidos Computacional tornam-se, a cada dia, ferramentas frequentemente usadas na solução de problemas que envolvem escoamentos turbulentos monofásicos e multifásicos, dentre outras áreas de interesse. Esses serão os temas abordados no presente projeto. As metodologias utilizadas envolvem: modelagem sub-malha da turbulência, método de acompanhamento e de captura de interfaces usando malha adaptativa bloco-estruturada e métodos híbridos eulerianos-lagrangianos. Entre as aplicações, estão: análise de escoamentos monofásicos com interação fluido-estrutura (interação fluido-estrutura em risers, interação fluido-estrutura para tubos ancorados em dunas, interação fluido-estrutura para rotores eólicos e para ventiladores, dentre outras aplicações); análise de escoamentos turbulentos multifásicos anulares para a estabilidade e a transição entre os regimes estratificados e anulares; análise de escoamentos bifásicos tipo coluna de bolhas. Além dessas aplicações, objetivam-se os desenvolvimentos numérico-computacionais: uso de malha adaptativa dinâmica por blocos; modelagem sub-malha da turbulência; acoplamento fluido-estrutura; solução monolítica das equações que modelam os escoamentos incompressíveis; desenvolvimento e uso da metodologia de fronteiras imersas para modelagem de escoamentos sobre geometrias móveis e complexas.
  • Universidade Federal de Uberlândia - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Aristeu Vieira da Silva

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • observatório das desigualdades e iniquidades em saúde
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Estadual de Feira de Santana - BA - Brasil
  • 07/01/2020-07/01/2025
Foto de perfil

Aristóteles Góes Neto

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • funga da ilha de trindade: revelando a diversidade escondida
  • Os fungos estão entre os organismos mais diversos do planeta e tem importante função ecológica na colonização e manutenção de ecossistemas, podendo ser sapróbios ou estar envolvidos em relações simbióticas, como comensais, mutualistas e parasitas em diferentes nichos ecológicos. Funga é o termo geral aplicado para a diversidade de organismos do Reino Fungi de um determinado ambiente. Embora extremamente relevantes para a vida na terra, os fungos são majoritariamente desconhecidos, o que é mais preocupante quando se leva em consideração ambientes mais vulneráveis como, por exemplo, as ilhas oceânicas que, além de vulneráveis, têm potencial para abarcar biotas particulares. Nesse contexto, a funga da Ilha de Trindade urge em ser reconhecida, visto que esses organismos representam uma grande lacuna relacionada ao conhecimento da biota na Ilha. Logo, a presente proposta tem como objetivo principal caracterizar a diversidade taxonômica e aspectos ecológicos da comunidade de fungos da Ilha de Trindade. Para tanto será utilizada a abordagem de metabarcoding a partir de amostras ambientais do solo e do ar. A principal contribuição científica desta proposta é revelar a funga da Ilha de Trindade, sendo que o reconhecimento dessa biodiversidade virá associado ao entendimento dos fatores que influenciam a ocorrência e distribuição das espécies de fungos na ilha, bem como fornecerá conhecimento sobre a colonização de ambientes isolados e recentes por espécies de fungos. Além disso, será gerada informação sobre um grupo de organismos com grande potencial de aplicabilidade, o que inclui utilidade para eventuais estratégias de manejo de solo e reflorestamento com espécies nativas na ilha e permitirá o monitoramento da diversidade de fungos na ilha a longo prazo. Do ponto de vista acadêmico espera-se até o fim da execução do projeto a publicação de dois artigos em periódicos internacionais com alto fator de impacto bem como apresentação de resultados em eventos científicos nacionais (1) e internacionais (1).
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 01/03/2020-31/08/2021
Foto de perfil

Arleana do Bom Parto Ferreira de Almeida

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • identificação e caracterização de genes de resistência em cães com leishmaniose visceral tratados com miltefosina e / ou alopurinol
  • A leishmaniose visceral (LV) é uma doença negligenciada com ampla distribuição geográfica e altas taxas de morbidade e mortalidade. O Brasil é o país com maior número de casos nas Américas. Causada pela Leishmania infantum a LV possui como principal reservatórios os cães domésticos. Dada a importância destes, uma das medidas de controle da LV baseava-se na eutanásia de cães sororreagentes, contudo, à partir de 2017, foi liberado o tratamento de cães com o fármaco Miltefosina. No entanto, ainda há escassez de dados referentes a protocolos terapêuticos, susceptibilidade, efeitos colaterais, resistência a fármacos, além do impacto do tratamento de cães no controle da LV no Brasil. Diante disto, o projeto tem por objetivo identificar a ocorrência de falhas terapêuticas e caracterizar genes de resistência em Leishmania infantum e amostras biológicas de cães naturalmente infectados tratados com miltefosina, alopurinol e associação de ambos os fármacos. Para isto, 15 cães com LV serão submetidos a tratamento, sendo cinco com metilfosina, cinco com alopurinol e cinco com a associação de ambos. Os cães serão pesquisados no tempo 0 (T0) antes do tratamento e T1 (pós tratamento) para a presença dos genes de resistência LiMT e Ros3 relacionados à miltefosina e LinJ.30.3560 e LinJ.36.0790 relacionados ao alopurinol em amostras biológicas e isolados de L. infantum.
  • Universidade Federal de Mato Grosso - MT - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Arlei Marcili

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • genes de cisteíno proteases (catepsina l-like) de leishmania infantum chagasi: expressão heteróloga, caracterização, relações filogenéticas intraespecíficas e diagnóstico molecular e sorológico
  • As espécies do gênero Leishmania parasitam mamíferos no Novo Mundo e possuem ciclos de vida com alternância entre vertebrados e invertebrados. A maioria das espécies se desenvolve em artrópodes hematófagos, que podem pertencer a diversas ordens e famílias. A Leishmaniose visceral é uma importante zoonose e possui canídeos silvestres e domésticos como importantes reservatórios conhecidos e a diversidade genética de L. (L.) infantum chagasi no Brasil ainda não é conhecida. Leishmaniose é uma doença severa com ampla distribuição geográfica com uma incidência de dois milhões de casos por ano e 350 milhões de pessoas em áreas de risco de infecção. As cisteíno proteases estão envolvidas em uma variedade de funções nos ciclos de vida dos protozoários. Além de funções metabólicas e regulatórias possuem papel importante na evasão da resposta imune do hospedeiro, diferenciação celular nos vertebrados e nos vetores, invasão de células, morte celular programada, patogenia e virulência nas parasitoses causadas por tripanossomatídeos. No gênero Trypanosoma o gene que codifica a catepsina L-like tem sido utilizada com grande efetividade como alvo molecular para diagnóstico. Entretanto, os estudos com espécies de Leishmania são ainda escassos ou inexistentes para L. infantum chagasi. Assim, este projeto visa a caracterização da catepsina L-like de isolados brasileiros de L. infantum chagasi através do sequenciamento e análise filogenética intraespecífica baseado nos métodos de parcimônia e Bayesiana, expressão recombinante e avaliação da atividade enzimática das variantes, padronização de um diagnóstico molecular e sorológico.
  • Universidade de Santo Amaro - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Arlei Sander Damo

Ciências Humanas

Antropologia
  • transformações políticas em cuba e novos mercados - turismo, artes plásticas e cuentapropismo em perspectiva antropológica
  • Este projeto tem por objetivo abordar antropologicamente as transformações políticas e econômicas em curso na sociedade cubana. Essas transformações tiveram início no período pós-soviético (1990) e se acentuaram quando Raúl Castro assumiu o poder (2006). A retomada das relações diplomáticas com os USA, durante o governo Obama (2008-2016), criou expectativas positivas entre os cubanos, esperançosos de que o bloqueio comercial vigente desde a década de 1960 pudesse ser suspenso. A eleição de Trump (2016) teve o efeito inverso, freando as negociações em curso e ameaçando retroceder. De outra parte, a substituição de Raúl Castro por Díaz-Canel (2018), indica que a política de redução da presença do Estado na economia deve persistir e até avançar, mas não se trata de uma redução brusca nos moldes neoliberais, como ocorreu nos países do Leste Europeus, ex-integrantes da União Soviética. Uma das estratégias pragmáticas lançadas pelo Estado no final da década de 1990, quando o país passou por grave crise de abastecimento, e a que melhor prosperou, foi no campo do turismo. Os dados oficiais indicam que atualmente mais de 4 milhões de turistas visitam Cuba anualmente, tornando-se este segmento a terceira fonte de divisas estrangeiras. O impacto do turismo é tão evidente que alguns antropólogos vêm usado a expressão “apartheid turístico” para demarcar uma distinção, salientada pelos próprios cubanos, entre aqueles que têm contato com estrangeiros e os que estão alijados dele. Paralelamente, foram implementadas medidas para reduzir os custos estatais e gerar empregos autônomos, dentre as quais se destaca a autorização para que alguns profissionais pudessem atuar por conta própria. Esta iniciativa, conhecida como cuentapropismo, é uma espécie de política pública às avessas, uma vez que o Estado sugere a certas categorias de trabalhadores a oferta de produtos e serviços no livre mercado. Atualmente são mais de 200 possibilidades de atuação profissional legalmente autorizadas e o número de cubanos envolvidos nesse mercado já atinge 20% da mão de obra ativa. Boa parte dessas ocupações estão direta ou indiretamente vinculadas ao turismo, como é o caso do aluguel de quartos residenciais, dos serviços de transporte (táxis) e de pequenos restaurantes (paladares), entre outros. Do ponto de vista econômico a combinação dessas políticas contribuiu para aliviar a crise dos anos de 1990 – definida por Fidel Castro como “período especial em tempos de paz” – ao mesmo tempo em que tem criado embaraços ao projeto socialista centrado na igualdade e na solidariedade - um chofer de táxi que trabalha por conta própria atendendo turistas em Havana ganha em um dia o equivalente à metade do salário mensal de um médico ou engenheiro remunerado pelo governo. Entre os novos mercados impulsionados pela presença de visitantes estrangeiros estão aqueles rotulados pelas ciências econômicas como “economia criativa”. A produção de arte/artesanato tem aumentado significativamente, como haveria de se esperar com o incremento do fluxo de turistas ávidos por souvenirs. Uma tela com Che Guevara estilizado, que pode ser produzida em duas ou três horas de trabalho por um artesão de habilidades medianas, é comercializada pelo valor equivalente a um mês de trabalho de um professor. Mas o que chama efetivamente a atenção é a proliferação de estúdios, ateliês e galerias de arte nas principais cidades turísticas, com o florescimento de novos artistas e incontáveis casos da reconversão profissional. A autorização do Estado para que as famílias possam arrendar quartos residenciais, política associada ao cuentapropismo, e o aumento de turistas estrangeiros gerou um florescente mercado que vai muito além dos aluguéis, pois muitas famílias recompuseram seus domicílios visando liberar espaços à locação, tendo que prover os quartos com as condições exigidas para obtenção da autorização – ar condicionado, sala de banho, móveis bem conservados, etc. O contato face-a-face com os hóspedes propicia aos proprietários dessas residências a mediação de outros serviços, emaranhando completamente a economia formal com a informal, as moedas com as dádivas, os negócios com as amizades e a hospitalidade afetuosa com o interesse pecuniário. Este projeto se caracteriza pela incursão etnográfica nesse cenário de amplas e controversas transformações políticas e econômicas. Do ponto de vista teórico, a abordagem principal é realizada a partir do suporte da antropologia econômica, mas não menos importante é o diálogo com quem discute o mercado do turismo, das artes e das políticas públicas. O projeto objetiva dar suporte à continuidade de duas investigações em curso, uma delas centrada prioritariamente no mercado de arte/artesanato e a outra no mercado da hospitalidade. A primeira, efetivada pelo coordenador do projeto, já conta com três incursões etnográficas de curta duração (15 dias cada), realizadas em 2015, 2016 e 2018, em cidades como Havana, Santiago, Trinidad e Varadero. A segunda, realizada por um dos colaboradores (orientando de doutorado do proponente), contabiliza, até o presente, uma incursão de 20 dias realizada em 2017 (Havana e Varadero). Cada qual das etnografias têm seus próprios objetivos ao mesmo tempo em que possuem uma forte articulação tendo em vista as relações entre políticas públicas (ou de Estado), emergência de novos mercados, turismo e projetos de ascensão econômica individuais e coletivos.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Arlene Gonçalves Corrêa

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • síntese estereosseletiva de heterociclos e peptideomiméticos a partir de epóxidos ou azidirinas quirais
  • O Centro de Excelência para Pesquisa em Química Sustentável (Centre of Excellence for Research in Sustainable Chemistry, CERSusChem) está voltado para a pesquisa de produtos e processos químicos sustentáveis que possam ser utilizados na descoberta e no desenvolvimento de novos medicamentos. Dentre as diversas linhas de pesquisa em andamento no CERSusChem, destacam-se a catálise assimétrica, as reações fotorredox e as reações multicomponentes. Epóxidos e azidiridinas são heterociclos de três membros que estão presentes em diversos produtos naturais e sintéticos, que apresentam atividades bioógicas importantes como antimicrobianas e antitumorais. Peptideomiméticos contendo epóxidos ou aziridinas também têm sido descritos como potentes inibidores de cisteíno proteases, que são alvos para o tratamento de diversas doenças incluindo câncer e doenças tropicais. Na busca por novos organocatalisadores para promover reações enantiosseletivas, foram desenvolvidos no nosso grupo de pesquisa diversos catalisadores do tipo diarilprolinol silil éteres com substituintes na porção aril O- ou S-alquilados, com cadeias alquílicas lineares com tamanho variando de 2 a 12 carbonos. Estes organocatalisadores tem sido empregados em diversas transformações, incluindo epoxidação e azidiniração assimétrica de aldeídos -insaturados. No âmbito do CERSusChem tem-se bastante interesse no desenvolvimento de novas metodologias para a síntese de moléculas bioativas utilizando os princípios da química verde. Assim, os objetivos mais gerais deste projeto envolvem o emprego de novas reações assimétricas organocatalisadas, reações multicomponentes e reações promovidas por energias alternativas como a luz, por exemplo. Os compostos obtidos serão avaliados frente as cisteino proteases, como as catepsinas B e L.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022