Chamadas Públicas

As Chamadas Públicas para projetos de pesquisa e bolsas do CNPq estão organizadas nas abas do menu principal em "Abertas", "Encerradas" e "Resultados".

Ano - Chamadas
  1. CHAMADA CNPq/TWAS Nº 03/2017

    Selecionar jovens pesquisadores provenientes de países em desenvolvimento (à exceção do Brasil), nas áreas abaixo descritas, para realizar parte de sua formação no Brasil, em nível de Doutorado Pleno ou Pós-Doutorado.Cientistas e estudantes brasileiros (incluindo os que possuem dupla nacionalidade) não são elegíveis a esta chamada, mas podem se inscrever para bolsas de todos os outros programas de bolsas TWAS. Para obter informações adicionais a este respeito, incluindo os critérios de elegibilidade e formas de aplicação, visite: http://twas.org/opportunities/fellowships


    • Call for Applications 2017 - CNPq-TWAS - English :link
    • Guidelines CV Lattes :link
    • Guidelines Online Application Form :link
    • TWAS FORM :link

    Divulgação:
    • 26/06/2017
  2. APOIO À PESQUISA E À INOVAÇÃO EM CIÊNCIAS HUMANAS, SOCIAIS E SOCIAIS APLICADAS

    A presente Chamada tem por objetivo apoiar atividades de pesquisa de excelência, inovadoras e criativas, nos temas elencados nas Linhas de Pesquisa, com foco em Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas. As propostas devem apresentar abordagem multi e interdisciplinar, com vistas a aportar novos conhecimentos sobre os referidos temas e a fornecer contribuições efetivas para solução de problemas nacionais.
    ATENÇÃO: Prazo prorrogado até o dia 27/01/2017 às 23:59h.


    • Guide to the Call :link
    • Resultado antes do período recursal - Linha 2 - Cidadania :link
    • Resultado antes do período recursal- Linha 1 - Educação :link

    Divulgação:
    • 20/03/2017
  3. Chamada CNPq/MCTIC Nº 016/2016 - SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL NO ÂMBITO DA UNASUL

    Objeto Apoiar projetos de pesquisa científica e tecnológica que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico do País na área de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) no âmbito do Programa de Desenvolvimento de Estratégias de Caráter Socioeducativas e Sociotécnicas em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional para os países da União das Nações Sul Americanas (UNASUL). 1.1 ¿ São objetivos desta Chamada: a) Fomentar núcleos e grupos de ensino, pesquisa, extensão com expertise na área de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) que possam apoiar a produção, humanização, socialização e popularização de conhecimento e tecnologias na área, no âmbito da UNASUL; b) Integrar a investigação científica em Segurança Alimentar e Nutricional à Política na mesma área, de modo a estimular que a produção do conhecimento considere as demandas sociais e da gestão das políticas públicas de SAN; c) Formar e fortalecer rede de instituições que promovam intercâmbio de ensino, pesquisa e extensão no âmbito da UNASUL visando: a) compartilhar e articular estudos científicos e tecnológicos com práticas alimentares tradicionais e populares em SAN; b) identificar ou construir tecnologias e inovações sociais na área de SAN (produção, manipulação, conservação, abastecimento de alimentos); c) contribuir no monitoramento contínuo da situação de Segurança Alimentar e Nutricional, incluindo a produção e distribuição da agricultura familiar, o abastecimento alimentar e compras institucionais até um consumo saudável; d) Fomentar ações de ensino, pesquisa e extensão para o desenvolvimento da inclusão produtiva rural local, que incida em cadeias produtivas de povos e comunidades tradicionais e pequenos agricultores que atuam no fornecimento de alimentos para políticas públicas (PAA/PNAE); e) Promover ações de Educação Alimentar e Nutricional (EAN) no âmbito da Educação Básica, Assistência Social, Saúde e outros campos de praticas de EAN, estimulando o desenvolvimento de projetos interativos entre instituições de ensino, pesquisa e extensão com os sistemas públicos de educação infantil, ensino fundamental e ensino médio; f) Socializar e popularizar os conhecimentos técnico-científicos da área de nutrição e segurança alimentar contribuindo para promoção da alimentação saudável, controle e prevenção de agravos decorrentes da má alimentação; g) Estimular estudos que promovam o fortalecimento do Sistema de Segurança Alimentar e Nutricional (SISAN) nos estados e municípios com fortalecimento de ações da participação e controle social, incluindo os países da UNASUL.


    Divulgação:
    • 05/05/2017
  4. Chamada Mestrado em Engenharia de Petróleo - MPE 2016

    Formar profissionais no exterior em nível de mestrado, em instituições de excelência, voltadas para a qualidade, o empreendedorismo e a competitividade nas áreas do conhecimento consideradas de vanguarda científico-tecnológica e naquelas estratégicas definidas pelo CNPq.


    • Resultado antes do período recursal :link

    Divulgação:
    • 30/11/2016
  5. CHAMADA MCTIC/CNPQ Nº 19/2016 - APOIO ÀS ATIVIDADES DA REDE NACIONAL DE MÉTODOS ALTERNATIVOS - RENAMA

    A Rede Nacional de Métodos Alternativos (RENAMA) foi instituída pela Portaria n° 491, de 03 de julho de 2012, do MCTIC; com o objetivo de desenvolver, validar e certificar tecnologias e métodos alternativos para os testes de segurança e de eficácia de medicamentos, cosméticos, vacinas e outras atividades que envolvam animais de experimentação. Esta Chamada objetiva apoiar a RENAMA por meio do fomento a projetos de pesquisa que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação do País, na área de Métodos Alternativos ao Uso de Animais em Experimentação, particularmente os descritos na Resolução Normativa n° 18, de 24 de setembro de 2014, do CONCEA; induzindo a formação de Consórcios Temáticos de Pesquisa entre os Laboratórios Centrais e os Laboratórios Associados integrantes da RENAMA, como disposto na Portaria MCTIC n° 491, de 03 de julho de 2012. Os Consórcios Temáticos de Pesquisa devem contribuir para o atendimento dos objetivos da RENAMA, colaborando para o aumento do número de laboratórios aptos a desenvolver e implementar Métodos Alternativos ao Uso de Animais em Experimentação no Brasil. Cada Consórcio Temático de Pesquisa deverá ser composto por um Laboratório Central (Coordenador do Consórcio) e por, pelo menos, três Laboratórios Associados, conforme a estrutura da RENAMA estabelecida na Portaria n° 491, de 03 de julho de 2012, do MCTIC. ATENÇÃO: O período de inscrição desta chamada foi prorrogado até o dia 21 de Outubro de 2016.


    • Resultado antes do período recursal :link

    Divulgação:
    • 11/11/2016
  6. PROGRAMA EDITORIAL

    A presente chamada pública tem por objetivo selecionar propostas para apoio financeiro a projetos que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico do país. As propostas devem observar as condições específicas estabelecidas na parte II - Regulamento, anexo a esta chamada pública, que determina os requisitos relativos ao proponente, cronograma, recursos financeiros a serem aplicados nas propostas aprovadas, origem dos recursos, itens financiáveis, prazo para execução dos projetos, critérios de elegibilidade, critérios e parâmetros objetivos de julgamento e demais informações necessárias.


    ATENÇÃO: Prazo para pedido de reconsideração: 18/11/2016 a 28/11/2016.


    • Resultado antes do período recursal :link
    • Resultado Final :link

    Divulgação:
    • 18/11/2016
  7. CHAMADA DE APOIO A PROJETOS DE TECNOLOGIA ASSISTIVA

    Apoiar projetos de pesquisa sobre tecnologia assistiva, oriundos de Núcleos de Tecnologia Assistiva já constituídos, com a finalidade precípua de desenvolvimento e entrega de produtos ou serviços tecnológicos voltados ao atendimento das necessidades de pessoas com deficiência, incapacidades ou mobilidade reduzida, visando sua autonomia, independência, qualidade de vida e inclusão social. ATENÇÃO: O período de inscrição desta chamada foi prorrogado até o dia 13 de Outubro de 2016.


    • Resultado antes do período recursal :link

    Divulgação:
    • 11/11/2016
  8. OLIMPÍADAS CIENTÍFICAS

    Apoiar a realização de Olimpíadas Científicas de âmbito nacional como instrumento de melhoria dos ensinos fundamental e médio, para identificar jovens talentosos que possam ser estimulados a seguir carreiras técnico-científicas. Poderá ser apoiada também a realização de olimpíadas internacionais no Brasil, em sua fase final, de acordo com as condições estabelecidas nesta Chamada


    • Resultado antes do período recursal :link

    Divulgação:
    • 11/11/2016
  9. FARMACOPEIA HOMEOPATICA BRASILEIRA

    A presente chamada pública tem por objetivo selecionar propostas para apoio financeiro a projetos que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico do país. As propostas devem observar as condições específicas estabelecidas na parte II - Regulamento, anexo a esta chamada pública, que determina os requisitos relativos ao proponente, cronograma, recursos financeiros a serem aplicados nas propostas aprovadas, origem dos recursos, itens financiáveis, prazo para execução dos projetos, critérios de elegibilidade, critérios e parâmetros objetivos de julgamento e demais informações necessárias.


    • Resultado Final :link
    • Alteração no Cronograma :link

    Divulgação:
    • 17/11/2016
  10. FEIRAS DE CIÊNCIAS E MOSTRAS CIENTÍFICAS

    Apoiar a realização de Feiras de Ciências e Mostras Científicas de âmbito municipal, estadual/distrital e nacional, como um instrumento para a melhoria dos ensinos fundamental, médio e técnico, bem como para despertar vocações científicas e/ou tecnológicas e identificar jovens talentosos que possam ser estimulados a seguirem carreiras científico-tecnológicas. Além disso, possibilitar a seleção dos melhores trabalhos para participação em Feiras/Mostras Internacionais.


    • Resultado antes do período recursal :link

    Divulgação:
    • 11/11/2016
  • Mostrando 1-10 de 645 resultados.
  • Página: 
  • Primeiro 
  • Anterior 
  • Próximo 
  • Último